Cidadeverde.com

Desfalques do Altos preocupam Francisco Diá antes da estreia

Foto: Luís Júnior

A Associação Atlética de Altos fez quatro amistosos antes da estreia da Copa do Nordeste - e não pegou nenhum time de várzea. Contratou com antecedência, foi o primeiro clube do Piauí a iniciar a pré-temporada. Aí, na reta final, o time viaja com problemas para a estreia no torneio. Acontece... 

A delegação que embarcou nesta terça-feira (24) para São Luís (MA), onde quinta-feira Altos será recebido pelo Moto Club, viajou com desfalques que fazem o técnico Francisco Diá bater cabeça para escalar a equipe. 

- Estamos com uma dificuldade grande nessa estreia. Perdemos dois jogadores titulares e dois foram dispensados por deficiência técnica. E perdemos dois jogadores: o volante Felipe Macena e o zagueiro Diego Bispo. 

Entre os que foram embora estão o meia Rafael Piauí e os atacanes Hudson e Américo. Macena e Bispo estão machucados e nem viajaram. 

Uma das dispensas que mais chamou atenção foi a do lateral Apodi, que na semana passada foi titular no amistoso com o 4 de Julho. O Jacaré perdeu a partida e o jogador foi embora.

Sem tempo para contratar um substituto, o jeito será Francisco Diá improvisar.  

- Nós iámos contratar um lateral e dispensamos o lateral de ofício que não vinha rendendo bem. Estamos com dificuldades para esse jogo.

Dos quatro nomes dispensados, apenas o meia foi substituído: Jeremias, da base do Atlético (PR), foi recebido por empréstimo e aguarda ser liberado pela CBF para jogar.