Cidadeverde.com

Presidente da Federação Piauiense de Judô assume vice-presidência da CBJ

  • cbj-05.jpg Sílvio Borges, de Santa Catarina, e Danys Queiroz, do Piauí: novo presidente e segundo vice-presidente
    Foto: Paulo Pinto/CBJ
  • cbj-04.jpg Foto: Paulo Pinto/CBJ
  • cbj-03.jpg Foto: Paulo Pinto/CBJ
  • cbj-02.jpg Foto: Paulo Pinto/CBJ
  • cbj-01.jpg Foto: Paulo Pinto/CBJ

A nova direção da Confederação Brasileira de Judô (CBJ) foi aclamada neste sábado (4), no Rio de Janeiro (RJ), e conta com a participação de dois representantes do Piauí. 

Danys Queiroz, presidente da Federação Piauiense de Judô (FPIJ), agora é segundo vice-presidente da entidade, que passa a ser presidida por Sílvio Acácio Borges, da Federação Catarinense de Judô. 

O advogado piauiense Berto Igor Caballero Cuellar é um dos membros efetivos do Conselho Fiscal, indicado por dirigentes do judô do Piauí. 

A chapa eleita tem mandato até 2012 e conta ainda com José Nilson Gama de Lima, de Alagoas, como primeiro vice-presidente; Seloí Totti, de Rondônia, como terceira vice-presidente; e Gilmar Cotrim Camerino, outro membro efetivo do Conselho Fiscal. 

A nova diretoria tem a missão de substituir a bem sucedida gestão de Paulo Wanderley, que conseguiu expandir o judô pelo país e alcançou resultados expressivos, como o ouro olímpico de Sarah Menezes em 2012, feitos que o credenciaram para ser eleito vice-presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB), no ano passado. 

Com a nova função, Danys Queiroz irá deixar a presidência da FPIJ. A entidade passará a ser comandada pelo vice Reginaldo Fonseca, que convocará novas eleições, mas nos bastidores já se constrói consenso para que o professor seja efetivado na presidência.