Cidadeverde.com

Medalhistas do badminton piauiense sonham com Olimpíada: 'nada é impossível'

  • jaqueline-samia.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • samia.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • radio-2.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • radio-1.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • jaqueline.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde

Primeiras piauienses a conquistarem medalha de ouro internacional em torneio de badminton entre os adultos, Jaqueline e Samia Lima visitaram o estúdio da Rádio Cidade Verde, na última terça-feira (14). Em entrevista ao Cidade Verde Notícias, com Nadja Rodrigues e Zózimo Tavares, a dupla falou da conquista mais recente e do futuro no esporte. Afinal, não custa nada sonhar com a participação em uma Olimpíada. 

Jaqueline, 15 anos, e Samia, 16 anos, foram campeãs nas duplas femininas no Brasil Internacional Badminton Cup, disputado no último fim de semana, em São Paulo (SP). Samia ainda levou bronze ao lado de Fabrício Farias nas duplas mistas. O evento reuniu mais de 80 atletas em 22 países. 

A dupla campeã é da zona Sul de Teresina e contou como sua vida mudou depois da prática do esporte. Elas treinam durante quatro horas por dia e ainda dão conta dos estudos, mesmo com as viagens frequentes. 

Restando pouco menos de quatro anos para os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020, as duas atletas afirmam que sonham, sim, com a possibilidade de representar o país em uma Olimpíada.

- Nada é impossível. A gente está treinando para isso. Nosso sonho é chegar na Olimpíada. Todo dia a gente treina, treina e treina e chega nos campeonatos pensando no melhor resultado possível.

Ouça entrevista na íntegra: