Cidadeverde.com

No Natal fora de casa, River pede classificação na Copa São Paulo de presente

Foto: Victor Costa/River A.C.

É Natal, mas os jogadores e comissão técnica do time sub-20 do River continuam fora de casa. Depois da disputa de um torneio amistoso na Bolívia, a equipe piauiense seguiu direto para São Paulo, onde estreia na semana que vem na Copa São Paulo de Futebol Júnior. 

Não é só o Natal, que o time tricolor passará fora de casa. A virada do ano também será no interior paulista. A estreia na Copinha já será no dia 3 de janeiro, contra o Capivariano, em Capivari (SP). 

Os tricolores esperam que o sacrifício de ficar longe de parentes e amigos nas datas festivas seja recompensado. Uma classificação inédita para a segunda fase da Copinha é o que o River espera de presente de Papai Noel. 

O técnico Gilvan Albuquerque, o Giva, avalia que a equipe está no caminho certo. Chegar até as semifinais da Copa do Nordeste Sub-20 e do torneio na Bolívia são prova disso. 

- A Copa na Bolívia foi bastante importante pela forma de disputa, pelo rítmo de jogo. (...) Tiramos muito proveito, vimos as nossas dificuldades. A nossa programação era justamente dar rítmo de jogo para essa equipe. 

O River teve folga no Natal e volta a treinar nesta terça-feira (26). A equipe ficará concentrada próximo à Capivari (SP). Em relação ao time que esteve em solo boliviano, o grupo passa a ser reforçado com jogadores que não disputaram o torneio internacional para concluírem o período letivo. 

- Agora é trabalhar, contar com todos os atletas que estão aqui em São Paulo, para que nós possamos fazer um bom trabalho e dia 3, em Capivari, contra o time da casa, fazer uma boa estreia, e tentar, contra Botafogo (RJ) e Velo Clube, passar de fase e buscar também bons resultados na segunda fase. Sabemos que é muito difícil, mas não é impossível.