Cidadeverde.com

O reencontro do goleiro Naylson com a torcida do River

Foto: Fábio Lima/Cidade Verde

Ontem (22), Naylson voltou ao gramado que ele atravessou de joelhos em 2015. Foi depois da conquista do Campeonato Piauiense, no qual passou um longo tempo de invencibilidade no gol. 

A camisa no retorno ao Albertão era a mesma: a foto do "Ratão", seu pai, ex-goleiro que morreu durante aquela competição. 

Meses depois, o River foi vice-campeão brasileiro da Série D. Mas, no ano seguinte, na terceira divisão, a campanha não foi a mesma. O Galo foi rebaixado e o ciclo do goleiro no tricolor chegou ao fim.

Naylson deu uma volta no Norte do país e defendeu o Parnahyba no ano passado, na fase preliminar da Copa do Nordeste. Agora veste a camisa do 4 de Julho. 

E logo na estreia no Campeonato Piauiense, o Colorado visitou o River, ex-clube do goleiro. Vitória do Galo por 1 a 0. 

Na saída, torcedores tricolores se reuniram perto do túnel... do 4 de Julho. E não foi para cornetar. 

- Sei do carinho, sei da história que eu tenho no River e não vão apagar. Vocês estão vendo o carinho que eles têm por mim e eu tenho por eles. Hoje eu tô do outro lado. Tô levantando a cabeça pra gente levantar o 4 de Julho. Quero fazer história como eu fiz com o River.