Cidadeverde.com

Atacantes do Altos lamentam gols perdidos contra o Bahia: "não podemos vacilar"

Fotos: Wilson Filho/Cidade Verde

Manoel lamenta chance perdida no fim do primeiro tempo

A chegada ao vestiário após a derrota para o Bahia por 2 a 0 foi de lamentação para os atacantes do Altos, que poderiam ter colocado o time piauiense em vantagem no jogo de ontem (30), pela Copa do Nordeste, no estádio Albertão. 

Manoel, que desperdiçou uma chance no final do primeiro tempo

- Tive a oportunidade clara de fazer o gol, fui infeliz no lance. Voltamos para o segundo (tempo), tomamos um gol no escanteio da gente, numa falha individual. Mas é isso aí. É levantar a cabeça que não acabou. 

Além da frustração dos gols perdidos, o sentimento em comum era de que o time não podia dar chance ao adversário. 

- Tivemos a oportunidade de matar o jogo, uma, duas, três vezes. E eles, em duas bolas, fizeram isso. Não podemos vacilar contra time grande. 

O atacante Américo concorda com Manoel. Depois de desperdiçar duas chances no segundo tempo, o jogador saiu de campo cabisbaixo. 

- Jogamos de igual para igual, com uma equipe de Série A. Mas futebol é detalhe. Eles tiveram duas chances e saíram com a vitória. 

Sobre as chances de gol, Américo admitiu suas falhas. 

- Fui infeliz alí. Tive a tranquilidade de dominar certo, fiquei na cara do gol. Infelizmente, errei. Atacante vive de gol, não pode errar esse gol.   

O Altos só volta a jogar pela Copa do Nordeste no fim de fevereiro, contra o Botafogo (PB). No sábado, o time viaja a Piripiri, para encarar o 4 de Julho, pelo Campeonato Piauiense. 

As entrevistas feitas após o jogo foram ao ar no Acorda Piauí desta quarta-feira (31):