Cidadeverde.com

Parnahyba sofre gol aos 52 minutos e é eliminado da Copa do Brasil

  • phb_coxa-19.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-18.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-17.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-16.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-15.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-14.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-13.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-12.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-11.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-10.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-9.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-8.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-7.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-6.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-5.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-4.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-3.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-2.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • phb_coxa-1.jpg Foto: Wilson Filho/Cidade Verde

No último minuto, após sete minutos de acréscimo, o Coritiba conseguiu o gol de empate e eliminou o Parnahyba da Copa do Brasil. O jogo no estádio Albertão, na noite desta quarta-feira (7)

O jogo foi em Teresina por conta de uma punição sofrida pelo Parnahyba, referente a incidentes no jogo com a Portuguesa (SP), pela Copa do Brasil de 2016. O clube foi sentenciado a jogar a pelo menos 100 quilômetros de distância de sua cidade. 

O Tubarão abriu o placar aos 3 minutos do segundo tempo. Fabinho tabelou na grande áres, recebeu o passe e mandou para o gol. Na comemoração, colocou a bola por baixo da camisa para homenagear Alice Vitória, sua segunda filha, que nasceu na semana passada

Pouco tempo depois, o Parnahyba ficou com um a menos em campo. Aos 10 minutos, Marcos Gasolina fez falta no centro do campo, levou seu segundo cartão amarelo no jogo e acabou expulso. 

A atuação do goleiro César era determinante para a manutenção do resultado, em especial nos últimos minutos de partida. No penúltimo lance, ele defendeu uma cabeçada de Tales quase dentro do gol. O árbitro marcou escanteio, mas o time do Coritiba contestou alegando que a bola entrou. 

No lance seguinte, o escanteio, aos 52 minutos, William Matheus apareceu de cabeça e garantiu o empate. E o árbitro encerrou a partida.  

O Coritiba vai enfrentar o Uberlândia (MG), fora de casa, no dia 20 ou 21 de fevereiro. Os mineiros eliminaram o Ituano (SP) - vitória por 2 a 0, no dia 31 de janeiro. 

Na segunda fase, a decisão também se dá em jogo único. Porém, em caso de empate, a definição do classificado se dará em cobrança de pênaltis.