Cidadeverde.com

Autor de golaço no Nordestão, Dudu Trindade é dispensado pelo Altos. Que tiro foi esse?

O atacante Dudu Trindade veio para o Altos após cair nas graças do técnico Waldemar Lemos em um amistoso. 

Na estreia do Jacaré na Copa do Nordeste, fez um golaço de falta, um chute de fora da área ao melhor estilo "Que tiro foi esse?".

Depois disso, não balançou mais as redes. Coincidência ou não, foi depois que ele descoloriu os cabelos. 

Foto: Luís Júnior/A.A.Altos

É, mas se o problema fosse a cor do cabelo de qualquer jogador, o gol de Dudu não seria um dos dois marcados pelo Altos em quatro jogos no Nordestão... 

O time inteiro fazia poucos gols e acabou eliminado da Copa do Brasil.

Waldemar Lemos foi demitido. Chegou Paulinho Kobayashi. 

O novo treinador colocou Dudu no intervalo do jogo com o Piauí. E tirou o jogador 11 minutos depois. 

Contra o Botafogo (PB), na segunda-feira (12), ele sequer foi relacionado. 

Não houve qualquer demonstração pública de qualquer outro problema entre jogador e treinador. E esse é o clima que se percebe ainda hoje, quando Dudu foi devolvido ao Horizonte (CE), encerrando o vínculo do seu empréstimo. 

A diretoria confirmou a saída do atacante na tarde desta quarta-feira (14). 

Na TV Cidade Verde, o técnico Paulinho Kobayashi pediu desculpas por não ter concedido entrevista no dia 13, pois teve uma reunião com a diretoria para tratar da Série D do Brasileirão. 

A saída de Dudu Trindade já deve ser resultado da reunião, na qual foram traçados planos para o Jacaré brigar pelo acesso para a Série C. 

A passagem do atacante no Altos durou cerca de dois meses. Foi muito rápida. Que tiro foi esse?