Cidadeverde.com

Altos pede arbitragem Fifa para finais do Campeonato Piauiense

Foto: Wilson Filho/Cidadeverde.com

Episódio em 2017 fez Altos pedir arbitragem de fora. E vai ser assim em 2018

A diretoria da Associação Atlética Altos parece não ter superado um trauma de 2017. 

Na final do 1º Turno do Campeonato Piauiense do ano passado, um erro da arbitragem impediu um gol do Jacaré, que levaria a decisão para a prorrogação. O Parnahyba acabou campeão. 

Depois do episídio, o Altos bancou do bolso as despesas para trazer arbitragem de fora do Piauí para os últimos jogos no torneio. No fim, faturou seu primeiro título. 

E a alternativa se repetirá em 2018: o Altos vai arcar com o custo de um trio de arbitragem do quadro da Fifa para os dois jogos da final com o River, dias 11 e 15 de abril. 

Warton Lacerda, presidente do Altos, explicou a decisão:

- O Altos solicitou à Federação, está no regulamento que a gente tem essa opção de pedir trio de fora para os dois jogos. (...) Por se tratar de uma final de campeonato piauiense, quando os ânimos costumam ficar um pouco mais acirrados, para a gente ter a tranquilidade que tudo vai acontecer de forma correta e vença quem for o melhor em campo. 

Warton Lacerda lembra que o vice-campeão terá premiação de R$ 50 mil, o que já garante o pagamento das despesas de arbitragem. 

Cesarino Oliveira, presidente da FFP, frisa que a diretoria altoense não tem poder para indicar os árbitros, apesar das despesas ficarem por conta do clube. 

- É um pedido da equipe de Altos. Mas isso não diz que Altos está indicando a arbitragem. 

A decisão certamente não vai agradar a arbitragem local. Mas me veio agora outra questão: se o campo do estádio Felipe Raulino estiver pura lama como na semifinal com o 4 de Julho, no último sábado, um árbitro Fifa vai permitir o início da partida? Tomara que a chuva poupe o gramado e nem precisemos conferir isso.