Cidadeverde.com

Sarah Menezes fica fora do Mundial de Judô pela 1ª vez na década

Paulo Pinto/CBJ

A Confederação Brasileira de Judô (CBJ) anunciou, nesta quarta-feira (30), a lista de judocas convocados para o Campeonato Mundial, marcado para setembro, em Baku, no Azerbaijão. A piauiense Sarah Menezes fica fora da lista pela primeira vez desde 2009, quando estreou no torneio. 

A CBJ segue como critério a posição dos brasileiros no ranking mundial. Sarah Menezes ocupa hoje o 35º lugar na lista da categoria ligeiro (-48kg), atrás de Gabriela Chibana, 22ª colocada e convocada para o torneio no Azerbaijão. 

Sarah Menezes segue em fase de transição de categoria. Após a eliminação na repescagem nos Jogos Olímpicos de 2016, a judoca subiu para a categoria meio-leve (-52kg), em 2017. Insatisfeita com seu rendimento, a piauiense decidiu voltar a competir entre as ligeiros. 

No entanto, a pontuação obtida nos últimos meses não foi suficiente para compensar o ano que passou fora da categoria pela qual foi campeã olímpica,  em 2012. 

Convocados - Campeonato Mundial de Judô - Baku 2018
 
Disputas individuais e por equipes: 

Seleção Masculina

Eric Takabatake (60kg/EC Pinheiros/FPJudo)
Phelipe Pelim (60kg/EC Pinheiros/FPJudo)
Daniel Cargnin (66kg/Sogipa/FGJ)
Charles Chibana (66kg/EC Pinheiros/FPJudo)
Eduardo Yudy Santos (81kg/EC Pinheiros/FPJudo)
Victor Penalber (81kg/Instituto Reação/FJERJ)
Rafael Macedo (90kg/Sogipa/FGJ)
David Moura (+100kg/Instituto Reação/FJERJ)
Rafael Silva (+100/EC Pinheiros/FPJudo)

Seleção Feminina

Gabriela Chibana (48kg/EC Pinheiros/FPJudo)
Érika Miranda (52kg/Sogipa/FGJ)
Jéssica Pereira (52kg/Instituto Reação/FJERJ)
Rafaela Silva (57kg/Instituto Reação/FJERJ)
Ketleyn Quadros (63kg/Sogipa/FGJ)
Maria Portela (70kg/Sogipa/FGJ)
Mayra Aguiar (78kg/Sogipa/FGJ)
Maria Suelen Altheman (+78kg/EC Pinheiros/FPJudo)
Beatriz Souza (+78kg/EC Pinheiros/FPJudo)

Convocados apenas para a competição por Equipes Mistas

Marcelo Contini (73kg/EC Pinheiros/FPJudo)
David Lima (73kg/Sogipa/FGJ)
Tamires Crude (57kg/Instituto Reação/FJERJ)

A judoca do Flamengo (RJ) deve seguir os treinamentos no Rio de Janeiro. Fora do mundial, Sarah Menezes também poderá fazer uma cirurgia no antebraço, caso ainda sinta dores de uma lesão sofrida em março. 

Em mundiais sênior, Sarah Menezes conquistou a medalha de bronze por três vezes (2010, 2011 e 2013). Na categoria sub-20, a piauiense foi bicampeã (2008 e 2009). 

Desde a estreia em 2009, com o quinto lugar na Holanda, Sarah Menezes ainda amargou eliminações na estreia em 2014 (Rússia) e 2015 (Cazaquistão), e caiu na segunda luta em 2017 (Hungria). Nos anos olímpicos, 2012 e 2016, não foram realizados mundiais.