Cidadeverde.com

Lesão tira Stanley Torres da seletiva para a seleção brasileira de judô

Foto: Wilson Filho/Arquivo/Cidadeverde.com

Convocado para a seletiva do Projeto Tóquio 2020 da Confederação Brasileira de Judô (CBJ), o piauiense Stanley Torres desistiu da competição, que será disputada a partir desta quarta-feir (12), em Lauro de Freitas (BA). Uma lesão lombar forçou o judoca a abrir mão do torneio. 

A viagem estava programada para a noite de ontem (10), mas atleta e o técnico Abdias Queiroz Filho reavaliaram o problema e concluíram que a lesão comprometeria o rendimento na seletiva. 

Campeão brasileiro em 2017 e quinto colocado no ranking nacional dos leves (até 73kg), Stanley Torres estava entre os 11 convocados para a disputa em sua categoria e lamentou deixar a disputa por problema físico. 

- Um decisão muito difícil, mas tivemos q deixar de ir pra não agravar. Agora é recuperar e voltar mais forte ano que vem.

Uma vitória na seletiva da seleção brasileira neste ano pode ser decisiva. Em 2019, a CBJ já começará a escolher os melhores para os Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão. 

Com a desistência de Stanley Torres, o Piauí contará somente com Sarah Menezes, do Flamengo (RJ), na seletiva. A campeã olímpica de 2012 terá de lutar o torneio depois de ter perdido a titularidade entre as ligeiros (-48kg), no período no qual ficou fora da categoria para tentar espaço entre as meio-leves (-52kg).