Cidadeverde.com

Virna diz que seleção feminina vive transição e espera mudanças no país em 2019

Fotos: Fábio Lima/Cidade Verde

Depois de participar do Festival Viva Vôlei e das finais do Campeonato Piauiense, a medalhista olímpica Virna falou com a Rádio Cidade Verde sobre seu retorno ao Piauí e também o momento atual da seleção feminina de vôlei. 

Virna avaliou que o momento da equipe é de transição. No último Mundial de Vôlei, o Brasil ficou em sétimo lugar, seu pior resultado nos últimos 16 anos. 

- É normal essa oscilação nos resultados. É uma época de renovação. O importante é que na próxima Olimpíada a gente já esteja reestruturado. 

Bronze nos Jogos Olímpicos de Atlanta, em 1996, e Sydney, em 2000, Virna também falou da amizade com Tatiana Rodrigues, e desejou sorte ao trabalho desenvolvido pela ex-colega de Flamnego e seleção brasileira no comando da Federação Piauiense de Vôlei. 

A ex-atacante também falou das expectativas em relação a 2019, com a chegada de um governo. Virna demonstrou esperança de que o esporte e o país como um todo sejam beneficiados por mudanças nos próximos anos. 

Ouça a entrevista, que foi ao ar no Acorda Piauí desta segunda-feira (24):