Cidadeverde.com

De virada, 4 de Julho vence Flamengo e dispara na liderança do Piauiense 2019

Foto: Eduardo Frota

Atualizada às 22h52

A partida mais emocionante do Campeonato Piauiense até agora foi repleta de lances emocionantes, gols perdidos, duas bolas no travessão e três gols. Quem levou a melhor foi o 4 de Julho, que venceu o Flamengo, de virada, por 2 a 1, na noite desta quarta-feira (13), no Lindolfo Monteiro. 

O resultado deixou o time de Piripiri mais líder do que nunca, com 11 pontos. O Flamengo, que poderia ter assumido a vice-liderança, estacionou nos 4 pontos. 

O jogo teve homenagem do Flamengo do Piauí para as vítimas da tragédia no centro de treinamento do Flamengo do Rio de Janeiro. Além de um minuto de silêncio antes da partida, uma escalação chegou a ser divulgada com os nomes dos 10 garotos que morreram no Ninho do Urubu. Depois, a imprensa teve acesso aos nomes dos titulares.

A partida

O jogo começou agitado. Aos 5 minutos, Ted Love recebeu sozinho do lado esquerdo e chutou por cima do gol, perdendo a primeira grande chance do 4 de Julho. 

Aos 19 minutos, foi a vez de Polho fazer grande jogada para o Flamengo. Depois de se livrar dos marcadores, ele tocou para o lado esquerdo, mas Douglas não conseguiu alcançar a bola. 

O time rubro-negro abriu o placar aos 33 minutos, em uma disputa acirrada na pequena área do 4 de Julho. No fim, a bola sobrou para Douglas. O camisa 9 tocou de calcanhar para fazer 1 a 0. 

O Flamengo foi envolvente e dominou o 4 de Julho no primeiro tempo. Em alguns lances, o líder do campeonato praticamente assistiu a troca de passes dos donos da casa. E o inverso aconteceu no 2º tempo. 

A conversa do técnico Paolo Rossi no intervalo parece ter funcionado para mudar a postura do Colorado na etapa final. Foram dois gols perdidos pelo 4 de Julho logo nos primeiros minutos: Josy, aos 2, e Chapinha, aos 4, falharam nas finalizações. 

Depois dos sustos, o Flamengo conseguiu equilibrar a partida. Mas aos 28 minutos, em cobrança de falta de longa distância, Maycon Douglas, que havia entrado em campo no 2º tempo, acertou um chute forte no alto do gol de Vinícius: 1 a 1. 

A partida ganhou em emoção. Dois minutos depois do gol de empate, Polho arriscou um chute de fora da grande área e fez tremer o travessão.

Aos 36 minutos, Ted Love arrancou para a grande área do Flamengo e chutou cruzado, rasteiro, no canto do goleiro Vinícius, que fez grande defesa e tocou para a linha de fundo.  

Mas aos 38, depois de muita insistência, o 4 de Julho virou. Ted Love, em nova arrancada, acertou o travessão. No rebote, Italo Pica-Pau só tocou para o gol: 2 a 1.

O Flamengo reagiu nos minutos finais. Aos 41 minutos, Polho arrancou no lado direito e chutou forte. O goleiro Tom deu rebote, o ataque rubro-negro não conseguiu aproveitar e a zaga Colorada afastou o perigo. 

Aos 44, o Leão teve sua última chance em uma cobrança de falta frontal ao gol de Tom. Bruno chutou rasteiro e a bola ficou na barreira do time de Piripiri. 

O 4 de Julho, que chegou aos 11 pontos em cinco jogos, volta a entrar em campo na quarta-feira (20), às 20h, contra o Altos, em Piripiri. Antes disso, na segunda-feira (18), o Flamengo, que estacionou nos 4 pontos, encara o Piauí, às 20h, no Lindolfo Monteiro.