Cidadeverde.com

Raphael Freitas defende jogador do Altos após áudios sobre suposta briga na Paraíba

Fotos: Letícia Santos/Cidadeverde.com

Andrade foi o único jogador que teve o nome ligado a uma suposta confusão na Paraíba

Dois áudios espalhados pelo Whatsapp, um olho roxo flagrado no treino e uma história ainda mal contada que envolveu o time do Altos e rendeu comentários desde o último fim de semana. 

A suposta briga em um bar de João Pessoa (PB) foi lembrada pelo atacante Raphael Freitas após o empate em 0 a 0 com o River, ontem (20). O jogador saiu em defesa do goleiro Andrade, único nome vinculado até agora a essa confusão. 

- Condenaram o nosso goleiro por uma situação que aconteceu, um fato isolado. Muita gente não sabe nem o que aconteceu e foi uma repercussão muito grande. 

Os áudios espalhados entre torcedores citam que um jogador do Altos teria se desentendido em uma casa de shows de João Pessoa, no sábado (16), após a derrota do Jacaré para o Botafogo (PB) por 2 a 0, pela Copa do Nordeste. Segundo a gravação, um dos jogadores - o áudio cita um zagueiro - teria tentado agredir um segurança e acabou levando a pior. 

Informações obtidas pela equipe da TV Tambaú - SBT Paraíba - dão conta de que o tumulto realmente aconteceu em um baile funk de João Pessoa, mas faltam detalhes que esclareçam o episódio.

Na segunda-feira (18), o Altos treinou normalmente em um campo de futebol próximo a Teresina. Após os áudios se propagarem entre torcedores, a TV Clube divulgou imagens que mostram o goleiro Andrade com uma marca no olho direito, que indica uma suposta lesão. 

Na terça-feira (19), Andrade não foi ao treino e o técnico Maurílio Silva disse em coletiva de imprensa que o jogador estava em recuperação. O treinador disse ter sido surpreendido com os áudios e que desconhecia tal situação. 

Ontem (20), Andrade sequer foi relacionado para o jogo com o River. Mas ganhou homenagem de Raphael Freitas. 

- Eu acho que o Andrade merece todo o crédito. A gente correu muito. E esse empate a gente dedica a ele, que é um grande profissional, um grande atleta, um grande amigo de todos. A gente provou hoje que é a gente hoje é uma família.