Cidadeverde.com

Torcedor apresenta denúncia contra o River por forçar cartões amarelos

Um torcedor protocolou nesta sexta-feira (22) denúncia no Tribunal de Justiça Desportiva do Piauí (TJD-PI) contra o River Atlético Clube, após jogadores declararem uma estratégia para forçar cartões amarelos com o intuito de evitar desfalques nas semifinais do Campeonato Piauiense. 

João Uverânio Nogueira Filho registrou o pedido no TJD-PI com base em entrevista ao vivo do goleiro Mondragon na Rádio Cidade Verde, após o empate em 0 a 0 entre River e Altos, na última quarta-feira (20). Na ocasião, o jogador afirmou que o zagueiro Maceió retardou uma cobrança de tiro de meta para forçar o cartão amarelo. 

Matéria do Cidadeverde.com sobre o caso, que inclui entrevistas do zagueiro Cris e do técnico Flávio Araújo também admitindo o plano, foi anexada na denúncia - na verdade, mais da metade do texto da denúncia foi copiado da reportagem. 

Veja a denúncia na íntegra:

João Uverânio Filho é advogado e se demonstrou indignado com as declarações dos jogadores. 

- Eu como torcedor, no momento que saio da minha casa para assistir uma partida de futebol, entendo que os jogadores vão tentar fazer o melhor para o time que estão representando. 

O torcedor disse ao Cidadeverde.com que se revoltou ao ver as entrevistas um dia depois da partida. 

- Isso eu acho que é antidesportivo, é ilegal, é imoral. No momento que eu pago ingresso, isso está me lesando. Eu não sairia da minha casa para ver um jogo se soubesse que seria assim. 

Na entrevista ao vivo, o goleiro Mondragon disse que o River adotou a estratégia porque o Altos estava fazendo a mesma coisa. No mesmo jogo, dois atletas do Jacaré que estavam pendurados também levaram cartão amarelo: Raphael Freitas e Tiaguinho - este último também atrasando cobrança de tiro de meta, a exemplo de Maceió, do River. 

Perguntado sobre a situação, o torcedor disse que também apresentaria denúncia contra o Altos, caso tivesse provas. O advogado afirma torcer para o futebol do Piauí e frequentava partidas do Flamengo (PI) antes do surgimento do Altos.

- No momento eu não tenho provas para fazer a mesma denúncia (contra o Altos). Eu fiz a denúncia baseado nas falas dos jogadores do River. Se (jogador do Altos) tivesse falado eu entraria da mesma forma, porque acima de tudo eu sou amante do futebol piauiense.

O River informou ao Cidadeverde.com que só vai se manifestar se for notificado oficialmente. 

O artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva prevê suspensão de uma a seis partidas a atletas, treinadores, médicos ou integrantes de comissão técnica por "assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código". O texto não cita diretamente cartões amarelos forçados, mas já há punições anteriores no Brasil nesse sentido. 

A denúncia ainda precisa ser aceita pelo TJD-PI para depois ser colocada em pauta. Não há previsão de quando o caso possa ser julgado pelo Tribunal. 

Maceió e João Paulo vão cumprir a suspensão automática do terceiro cartão amarelo na quarta-feira (27), no jogo contra o Piauí. O Campeonato Piauiense 2019 termina até o dia 21 de abril.