Cidadeverde.com

Novo artilheiro, Eduardo critica campo do Felipão: "chiqueiro"

Fotos: Victor Costa/River A.C.

Com um gol na vitória fora de casa sobre o Altos por 3 a 2, ontem (10), o atacante Eduardo assumiu a artilharia do Campeonato Piauiense com sete gols. Mas no fim de jogo, mesmo com o triunfo no primeiro jogo das finais, o assunto foi o campo do estádio Felipe Raulino. 

Em entrevista para a Rádio Cidade Verde, Eduardo lembrou que a final do campeoanto era disputada pelo segundo ano consecutivo em um campo sem as melhores condições para a prática do futebol. E usou um termo que os riverinos costumam citar para provocar a torcida do Jacaré. 

- Infelizmente, quase 2020 ainda jogamos num campo que é uma vergonha para o Piauí. É uma vergonha a Federação (de Futebol do Piauí) aceitar isso aqui. Isso aqui não pode mais se repetir. É a segunda final consecutiva... Desculpa a palavra, respeito toda a cidade de Altos, mas aqui é um chiqueiro, né? A federação piauiense tem que ter mais consciência. 

Em 2018, o Altos venceu o River no Felipe Raulino na decisão do campeonato. A situação do campo em relação a lama era pior que a de ontem. 

Após garantir vaga nas finais deste ano, o presidente do Altos, Warton Lacerda, já havia garantido que jogaria no Felipão. Ele comparou a situação do gramado do estádio  ao Ytacoatiara, de Piripiri, onde o bicampeão piauiense teve de jogar a semifinal. 

- Se é para jogar na lama que nem nós aqui jogamos em Piripiri, nós jogamos no Felipão. Por que a Federação irá tirar?

O River tentou convencer a FFP de que a partida precisava acontecer em outro local e esperava ter os dois jogos da decisão disputados no Albertão, o que foi negado pelo Altos. O clube altoense alegou que só aceitou fazer a partida de ida das semifinais com o 4 de Julho em Teresina porque jogaria em campo neutro. 

Artilharia*
Com 7 gols, Eduardo ultrapassou Raphael Freitas, do Altos, que tem 6 gols. Roney, do River, tem 4 gols, o mesmo que Éder Guerreiro, do Altos. 

*Atualizada após a súmula dar gol contra do Altos ao invés de gol de Roney no primeiro jogo da final.