Cidadeverde.com

Corinthians confirma lesão e Adriana passará por cirurgia; atacante não poderá jogar na Copa do Mundo

Bruno Teixeira/Ag. Corinthians

 

O Corinthians confirmou, nesta sexta-feira (17), a lesão no joelho esquerdo da atacante Adriana, que terá de ser submetida a uma cirurgia. O procedimento vai impedir a jogadora de disputar a Copa do Mundo de futebol feminino. 

Na manhã de hoje, Adriana foi avaliada pelo médico Joaquim Grava, que vai acompanhar a recuperação da jogadora, em conjunto com todo o quadro médico do Corinthians. 

Adriana sofreu rompimento no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo. A lesão aconteceu quando ela marcou um gol na vitória do Corinthians sobre o Santos, por 3 a 2, pelo Campeonato Paulista. O jogo aconteceu na quarta-feira (15), véspera da convocação para a Copa do Mundo. 

A atacante será operada na próxima quarta-feira (22), data da apresentação das jogadoras da seleção brasileira feminina em Portugal, base da equipe antes de seguir para o torneio na França. O Brasil estreia no dia 9 de junho, contra a Jamaica, pelo Grupo C da Copa do Mundo. 

O comunicado do Corinthians informa que Adriana "ficará afastada das atividades durante o período de reabilitação", mas não estima esse prazo. 

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda não se manifestou sobre o comunicado do Corinthians. 

Ontem (16), ao saber do resultado do exame de ressonância magnética, Adriana postou uma mensagem em seu perfil no Instagram afirmando que seu sonho foi adiado. Jogadoras da seleção brasileira desejaram força para a atleta em sua recuperação. 

Gravidade da lesão
O Cidadeverde.com ouviu o fisioterapeuta Diego Mota, que trabalha com a judoca Sarah Menezes e atletas do Comitê Paralímpico do Brasil e da Confederação Brasileira de Badminton. O especialista explicou que lesões de rompimento do ligamento do joelho são de recuperação demorada - em média seis meses.