Cidadeverde.com

Os "atrasadinhos" do Troféu Carlos Said



Ontem, a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer - Semel -, premiou mais sete atletas com o Troféu Carlos Said. São nomes que não estavam presentes na lista inicial, ou não puderam estar presentes na solenidade da semana passada.

Entre os atletas estavam Moema Sales, Fabrício Nunes, e Lauro Wilson Filho, da Natação; Gerson Albuquerque, do Ciclismo; e Henry Mateus e Monaliza Feitosa, do Badminton.

Teve direito até a presença do Magro de Aço, do secretário Ronney Lustosa, e tudo mais.

Só fiquei triste porque, segundo Raimundo Filho, presidente da Associação de Badminton do Grande Dirceu - Asbagdi -, enviou email com fotos da solenidade me informando que teve de reivindicar a inclusão de seus atletas, o que não teria sido feito pela Federação.

Não vou contestar a Federação, que indicou merecedores de 2009. Não vou contestar a associação, que tem razão em pedir o prêmio se o mesmo era ofertado também aos campeões de 2008. Pergunto até para a Semel se não existe alguma forma de evitar esse inconveniente. Mas digo que o inconveniente só existe pela desunião. Também não vou entrar no mérito dos motivos da mesma, mas se há palavra que não combina com esporte, e evito até repetir, é aquela que encerrou a frase anterior, e da qual a Semel não é culpada. Nem os atletas.

Atualizado às 11h20 de 19/12
A Federação de Ciclismo nos informa que não houve problema de ausência de atleta  da modalidade no dia da entrega oficial. Um problema na confecção do troféus é que teria transferido a premiação para outra data, e criado a turma de "retardatários". Pelo menos, da parte do ciclismo.

RIVER URGENTE! Mudanças na Timemania

A partir de 2010, a Timemania vai mudar sua forma de distribuição de recursos. E o River está ameaçado de arrecadar menos no ano que vem.

Agora, vai valer o ranking do Time do Coração do ano anterior, e não a posição definida pelas séries do Campeonato Brasileiro.

Os 20 mais indicados ficarão no Grupo I e dividem 65% do faturamento. Do 21 ao 40, formam o Grupo II, com 25%. O Grupo III inclui os demais 40 times, dividindo só 8%. Os que estão fora do volante são do Grupo IV, e partilham 2%.

O Galo terminou 2008 em 36º, e por enquanto fecharia 2009 na zona de limite: é hoje 40º colocado, com 403.380 apostas. O Paysandu/PA vem logo atrás com 397.936. Bangu/RJ e Atlético/GO contam com cerca de 396 mil, e são os outros concorrentes mais próximos.

Tricolores, prestem atenção: O River está no limite entre dividir 25% da Timemania com outros 20 clubes, ou repartir 8% do faturamento com 40 equipes!

Vejam um exemplo de partilha com o último concurso, onde foram arrecadados R$ 2.293.232. Os clubes ficam com 22% desse valor: R$ 504.511,04. Na nova regra, se ficar no Grupo II, o River levaria R$ 6.306,39. Se cair para o Grupo III, o Galo só fatura R$ 1.009,02.

A torcida riverina que quer ver o tricolor recebendo uma fatia maior desse bolo precisa apostar nos últimos concursos do ano. Os paraenses já alertaram para a possibilidade de ultrapassar o River, que já ficou com quase 500 apostas a menos que o Papão no concurso anterior.

Existem ainda mais dois sorteios em 2009, o próximo deles neste sábado, dia 19.

Presente de 2010: agenda une futebol e arte

Para quem gosta de futebol, este é um presentão de Natal que une arte e estilo.

O Instituto Moreira Salles preparou dois modelos para agendas de 2010. Pensando  na Copa do Mundo, um deles é ilustrado com fotos do seu rico  e formidável acervo.

São imagens dos fotógrafos José Medeiros (nascido no Piauí), Hildegard Rosenthal, Alice Brill, Thomaz Farkas, Marcel Gautherot, Carlos Moskovics, Haruo Ohara e Peter Scheier. O projeto gráfico é dos designers Raul Loureiro e Claudia Warrack.

O preço sugerido é de R$ 49. Informações no fone (11) 3170-4033, ramal 2372 (Livraria Cultura).

Descobri a agenda durante minhas férias em São Paulo, onde a ela já pode ser encontrada em várias livrarias. Procurei no site da Livraria Cultura, mas o item ainda não está disponível. Vi o produto e garanto a você que mora fora de São Paulo, vale a pena o esforço.

Veja algumas das fotos que compõem a agenda:


O goleiro uruguaio Máspoli e Augusto, jogador da seleção brasileira, se abraçam após a derrota brasileira na Copa de 1950, Rio de Janeiro (José Medeiros)

Atualizado às 8h30 de 18/12
Uma nota que só descobri agora, e desculpem-me pela ignorância de não ter citado isso antes.

Autor de algumas das mais conhecidas fotos da Copa do Mundo de 1950, José Medeiros nasceu no Piauí em 1921. Aprendeu com o pai a revelar fotos aos 12 anos, e aos 18 foi para o Rio de Janeiro. Em 1946, passou a integrar a equipe da revista O Cruzeiro, onde ficou até 1962. Também dirigiu a fotografia de vários filmes. Morreu em 1990, na Itália.


Espectadores em Londrina/PR, 1961 (Haruo Ohara)
 

Joaquim Cruz receberá homenagem no Rio

Filho de piauienses do município de Corrente, Joaquim Cruz nasceu em Taguatinga/DF e se tornou um dos principais corredores do mundo. Hoje ele treina a equipe paraolímpica de atletismo dos Estados Unidos.

O Comitê Olímpico Brasileiro resolveu presentear Joaquim Cruz com o Troféu Adhemar Ferreira da Silva, criado em 2001 segundo o Comitê, "para homenagear atletas e ex-atletas que representem os valores éticos, esportivos e morais que marcaram a trajetória de Adhemar, um exemplo de eficiência técnica, esportividade, companheirismo, sentido de coletividade e respeito ao próximo, entre outros".

Neste ano, ele já foi homenageado pelo COB pelos 25 anos da sua medalha de ouro nas Olimpíadas de 1984 - relembre aqui.

A homenagem acontecerá durante a Cerimônia do Prêmio Brasil Olímpico, dia 21, no ginásio do Maracanãzinho. Na mesma data, a judoca Sarah Menezes receberá o troféu de principal nome da modalidade no ano, e ainda poderá ganhar o título de melhor atleta de todos os esportes no país em 2009. A votação acaba horas antes da solenidade.

Quem já ganhou o troféu Adhemar Ferreira da Silva
2001 – Nelson Prudêncio – Atletismo
2002 – João Gonçalves Filho – Natação e Pólo Aquático
2003 – Amaury Antonio Pasos – Basquete
2004 – Maria Lenk – Natação
2005 – Agberto Guimarães – Atletismo
2006 – Aída dos Santos – Atletismo
2007 – André Gustavo Richer – Remo
2008 – João Havelange – Natação e Pólo Aquático

Ônibus da Fundespi ocupado até fevereiro

Fábio Lima/Cidadeverde.com


Desde a sua aquisição em outubro deste ano, o ônibus da Fundação de Esportes do Piauí - Fundespi - não para de rodar pelo Piauí e vários estados da região, levando atletas para competições de diversas modalidades.

Falei dias atrás com o presidente da Fundespi, Vicente Sobrinho. Ele revelou que já existem reservas de federações esportivas até fevereiro de 2010. Isso mostra a demanda enorme. Imagina o quanto se gastava antes fretando ônibus. Pior, quantos deixavam de viajar porque esse dinheiro não saia.

Vicente Sobrinho já arrumou outra preocupação. Ele tem choque de datas entre eventos de modalidades distintas,

- Quero reunir as federações e pedir a todos eles o calendário de 2010. Dessa forma, vamos poder atender a todas as federações em suas principais competições e fechar datas ao longo do ano.

Isso se chama planejamento. Se existisse mais, que bom seria.

Niel chega ao Mogi Mirim para o Paulistão

Camila Caetano/Mogi Mirim/Divulgação
- Para mim é uma oportunidade que eu queria que tivesse chegado antes, mas Deus abre portas.

Frase de Niel na sua chegada ao Mogi Mirim/SP.

Lateral direito experiente, 30 anos, vários títulos no Piauí e em outros estados do Nordeste, Niel já treina no Mogi Morim, time da homônima cidade que irá disputar o Campeonato Paulista de 2010. A estreia será dia 16 de janeiro, contra o Palmeiras.

Niel foi indicado pelo novo técnico do clube, Diá, ex-América/RN, onde hoje treina Paulo Moroni, campeão piauiense de 2009 com Niel pelo Flamengo.

Vale lembrar que o Mogi Morim é hoje presidido por Rivaldo Vitor Borba Ferreira, o Rivaldo campeão do mundo com a seleção brasileira.

"Polêmica Okimoto": Sarah Menezes recebe apoio no Tocantins

Tomei a liberdade de reproduzir aqui o artigo do professor Fred Guerra, que cuida do blog www.judotocantins.blogspot.com. O que eu esqueci de escrever sobre as reclamações da nadadora Poliana Okimoto, ele publicou em sua página.

Tá por fora da polêmica? Leia antes isso aqui:
Poliana Okimoto critica campanha por Sarah e diz que votação é injusta

Sarah Menezes não é favorita; Por isso, vote

Rafal Burza


Eis o texto:

Piauienses fazem campanha para a judoca Sarah Menezes. Algo mais natural?

Quanta vontade de se criar polêmica... O Piauí está sob os holofotes neste momento graças às conquistas desta jovem talentosa e promissora do Judô nacional, Sarah Menezes, indicada à Atleta do Ano pelo COB. E o que as pessoas esperavam? Que os piauienses ficassem omissos a essa possível importante conquista de sua atleta?

O simples fato de ser indicada ao Prêmio Brasil Olímpico já a coloca (assim como coloca também o Judô) em posição de destaque no cenário nacional. Claro que piauienses e judocas em geral estão torcendo por ela. Assim como os praticantes de taekwondo e maratona aquática também estão animados com a visibilidade de suas representantes.

Então qual é a polêmica? Que o governador de Piauí saiu em campanha? Não lembro de ninguém reclamando quando o Brasil pediu, em rede nacional, votos para eleger o Cristo Redentor como uma das Sete Maravilhas do Mundo. Venceu e ficamos felizes. Azar das outras maravilhas que não conseguiram mobilizar a opinião pública...

Hoje temos três grandes indicadas ao prêmio oferecido pelo COB, todas merecedoras, do contrário não estariam ali.

Como judoca, confesso que já votei inúmeras vezes. Como professor, já pedi que meus alunos votassem. Como avaliador, acredito sinceramente que suas conquistas de 2009 superam as de suas concorrentes. Como blogueiro, abri um link para que outros votem. E como brasileiro espero que vença a melhor.

Parabéns à Sarah, ao seu técnico e a todos os que preferem votar em uma importante enquete esportiva como essa e não nos inúmeros reality shows vazios que temos por aí.

Abraços,

Fred Guerra
http://judotocantins.blogspot.com/

Amigos de Batistinha em jogo solidário

Foto: Elias Fontinele/Jornal O Dia

Batistinha é um dos nomes que disputará a partida solidária no Saci, sábado

Sábado é dia de solidariedade no campo da academia de Polícia Civil, bairro Saci, zona sul de Teresina. A partir das 16h, o ex-jogador Batistinha reúne seus amigos em amistoso contra o time da AGAP - Associação de Garantia ao Atleta Profissional. A entrada será um quilo de alimento não perecível, que será doado para o Abrigo São Lucas e Lar de Maria.

O atacante João Batista Crispim Filho, o Batistinha, fez carreira no final dos anos 90, quando defendeu Sport/PE, Goiás, União São João de Araras/SP, Vitória/BA, e vários outros clubes.

Com o jogador, irão atuar nomes conhecidos como Maradona, Maninho, Ronaldo Bucar, Dias Pereira, e o eterno craque Simão Teles Bacelar, o Sima. No time da AGAP, estarão o goleiro Toinho (ex-São Paulo), Aníbal, Paulinho, Sabará, e muitos outros.

Além dos alimentos, os atletas pretendem arrecadar recursos para as instituições através de um sorteio de prêmios. O cartão poderá ser adquirido no local por R$ 2, e dará direito a concorrer a bicicletas, entre outros.

E ainda haverá espaço para homenagens. O vencedor da partida leva o troféu Nivaldo Qualhada, craque do River nos anos 70. Ele sofreu um Acidente Vascular Cerebral neste ano, mas se recupera bem e deve comparecer ao evento. O ex-jogador e ex-técnico do Flamengo, Gringo, será agraciado com uma placa pelo seu trabalho na revelação de talentos do Piauí, como o próprio Batistinha, hoje nas categorias de base do Fluminense do Piauí.

Quem gosta de futebol e acompanhou os jogadores nos anos 70 e 80, não pode perder.

Copa Piauiense: rodada dupla em Teresina

Olheiros, marquem na agenda.

A V Copa Piauiense de Futebol Amador definirá seus finalistas nesta quinta-feira (17), no estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina.

Às 18h jogam Parnaíba e Francisco Santos, na primeira semifinal. Em seguida, às 20h, Monte Alegre e São João do Piauí disputam a vaga na decisão.

A Fundação de Esportes do Piauí - Fundespi - marcou a grande final para o dia 20 de dezembro, domingo, a partir de 9h, também no LM. Entrada franca.

Outro fera do Taekwondo pode vir ao Piauí

Jânio Silva
Depois de trazer a campeã mundial Natalia Falavigna, a Federação de Taekwondo do Piauí está mantendo contato com Diogo Silva, campeão da Universíade 2009, as Olimpíadas Universitárias, e que emocionou o país ao levar para o Brasil o primeiro ouro nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro em 2007.

A intenção é trazer o atleta a Teresina no ano que vem, ainda no primeiro semestre. Tudo só depende da agenda dele.

O novo evento é apenas um dos passos para a revitalização do Taekwondo no Piauí. Segundo o presidente John Correia, a ideia é ampliar o número de escolas e academias com a modalidade, e aproveitar a inclusão do esporte nas Olimpíadas Escolares a partir de 2010 para orientar e capacitar mais professores.

A presença de ídolos nacionais do esporte no Piauí com certeza vai fortalecer a modalidade no Estado. Se houver incentivo para que esse projeto siga adiante, os resultados esperados a longo prazo podem surgir antes do que se imagina. A Fetaepi está no caminho certo.

A foto do Diogo é de Jânio Silva, que esteve em Belgrado na Universíade.

Posts anteriores