Cidadeverde.com
Política

R$ 52 mil: João Vicente Claudino abre mão de "14º e 15º salários"

Imprimir
O senador João Vicente Claudino (PTB-PI) decidiu abrir mão do "14º e 15º salários", uma ajuda de custo que receberia no Senado Federal. O ofício comunicando a decisão foi protocolado nesta quinta-feira (29). O benefício chegaria a R$ 52 mil.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado

O parlamentar piauiense defende que a vantagem seja extinta. Ele votou a favor do projeto que muda a forma de pagamento da ajuda de custo, reduzindo os dois pagamentos anuais para compensação financeira somente no início e no fim dos mandatos. Cada um dos "salários extras" corresponde a R$ 26 mil.  

“O que falta agora é que os deputados federais também aprovem o projeto de decreto legislativo, que já foi aprovado, por unanimidade, no Senado, e agora tramita na Câmara”, disse o senador piauiense. 

O auxílio financeiro foi criado para compensar despesas de deputados federais e senadores com transporte e moradia. Na época, os transportes eram precários e os parlamentares se deslocavam até Brasília a cada ano. Hoje, todos visitam seus estados semanalmente.  

Da Redação
Imprimir