Cidadeverde.com
Geral

Site promete vender vídeo de jovem piauiense na internet

Imprimir
Um site promete vender o vídeo íntimo da jovem Júlia Rebeca na internet. As imagens da adolescente com uma colega e outro jovem se espalharam através de telefones celulares e teriam sido o estopim para que a estudante atentasse contra a própria vida. 


A página acessada pelo Cidadeverde.com é intitulada "SP News" - http://spnews2013.blogspot.com.br/ -, administrada pelo usuário "Master Web World". Apesar do título, o que inexiste nele são notícias. O site se propõe a vender o vídeo de Júlia Rebeca a R$ 4,90. O mesmo valor de outro vídeo denominado "Fran de Goiânia", também de conotação sexual.

Além de vídeos íntimos de pessoas anônimas, a página promete vender transmissão de eventos de luta do UFC e até discos de artistas como Lady Gaga. Para isso, ele promete enviar um link por e-mail para acesso aos dados, logo após a confirmação do pagamento.


O site SP News faz questão de deixar a mensagem na postagem sobre a jovem piauiense: "Fique tranquilo que não vem o nome na fatura do Cartão.". 

O link utilizado para a compra é legítimo. Pertence ao site PayPal, muito utilizado em todo o mundo para viabilizar transações seguras na internet. Através dele, é possível sustar o pagamento caso a oferta não seja concretizada.

Ao abrir o link para pagamento no PayPal, aparece a referência ao produto escolhido e o provável endereço de e-mail do usuário responsável pela transação. Simulando intenção de compra, o Cidadeverde.com enviou uma mensagem para o usuário pedindo garantias de que o "produto" seria enviado. Não houve retorno até a publicação dessa reportagem.


O Cidadeverde.com tentou falar por telefone com o delegado Rodrigo Moreira, que comanda as investigações em Parnaíba sobre o vazamento do vídeo, mas não obteve sucesso. 

Fábio Lima
Imprimir