Cidadeverde.com
Últimas

MPF denuncia 35 na Lava Jato e quer R$ 1 bi de ressarcimento

Imprimir

A força-tarefa do Ministério Público Federal (MPF) denunciou nesta quinta-feira 35 pessoas pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa na investigação decorrente da Operação Lava Jato. Entre os denunciados, estão o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa, o doleiro Alberto Youssef e executivos das principais empreiteiras do País. Os nomes serão confirmados em entrevista coletiva dos procuradores em Curitiba.

O procurador Deltan Dellagnol faz a apresentação do conteúdo das denúncias.

De acordo com as denúncias apresentadas pelo MPF, o órgão quer o ressarcimento de R$ 971.551.352,28 de contratos que foram alvo de investigação entre 2004 e 2012. As investigações apontam para R$ 286.421.928,74 usados para pagamento de propinas de envolvidos no esquema. Entre as 35 pessoas que vão responder pelos crimes na Justiça, 22 estão diretamente ligadas às principais empreiteiras do País, como Camargo Corrêa/UTC, Engevix, Galvão Engenharia, Mendes Junior e OAS.

A força-tarefa informou que as empreiteiras pagavam propina de 1% a 5% do preço dos contratos para conseguir vencer os processos licitatórios. O dinheiro era entregue para diretores da Petrobras após serem lavados por operadores do esquema, por meio de contas no exterior ou de presentes dados diretamente aos agentes políticos. Três grupos faziam parte do esquema: os de operadores, formados por doleiros como Alberto Youssef e Enivaldo Quadrado; o de empresários; e dos agentes públicos, como Paulo Roberto Costa.

Veja os denunciados pelo MPF nesta nova fase da Lava Jato:

LISTA DE DENUNCIADOS PELO MPF

Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento da Petrobras

Alberto Youssef

José Humberto Cruvinel Resende

Agenor Franklin Magalhães Medeiros, diretor-presidente da Área Internacional da Construtora OAS S.A

Carlos Eduardo Strauch Alberto, diretor técnico da Engevix Engenharia S/A

João Ricardo Auler, presidente do Conselho de Administração da Construções e Comércio Camargo Correa S.A

Eduardo Hermelino Leite, alcunha ‘Leitoso’, diretor vice-presidente da Camargo Correa S.A., São Paulo, SP

João Procópio Junqueira Pacheco de Almeida

Sérgio Cunha Mendes, diretor vice-presidente Executivo da Mendes Júnior Trading Engenharia S/A, Brasília-DF

Carlos Alberto Pereira da Costa

Enivaldo Quadrado

Rogério Cunha de Oliveira, diretor da Área de Óleo e Gás (ANOG) da Mendes Júnior Trading e Engenharia

Angelo Alves Mendes, diretor Vice-Presidente da Mendes Júnior Trading e Engenharia S.A

Alberto Elísio Vilaça Gomes

Antonio Carlos Fioravante Brasil Pierucinni

Mário Lúcio de Oliveira

Ricardo Ribeiro Pessoa, responsável pela UTC Participações S.A.

João de Teive e Argollo
Sandra Raphael Guimarães

Marcio Andrade Bonilho

Jayme Alves de Oliveira Filho, o “Careca”, agente da Polícia Federal

Adarico Negromonte Filho, irmão do ex-ministro das Cidades e deputado federal Mário Negromonte (PP-BA)

José Aldemário Pinheiro Filho, presidente da OAS

Mateus Coutinho de Sá Oliveira, OAS

José Ricardo Nogueira Breghirolli, funcionário da Construtora OAS

Fernando Augusto Stremel Andrade, OAS

João Alberto Lazarri

Gerson de Mello Almada, vice-presidente da Engevix Engenharia S.A.

Newton Prado Junior, diretor técnico da Engevix Engenharia S/A

Luiz Roberto Pereira, Paulo/SP

Erton Medeiros Fonseca, diretor-presidente da divisão de Engenharia Industrial da empresa Galvão Engenharia S.A.

Jean Alberto Luscher Castro

Dario de Queiroz Galvão Filho

Eduardo de Queiroz Galvão

Waldomiro de Oliveira

Fonte: Terra

Imprimir