Cidadeverde.com
Entretenimento

Ana Luísa Castro renuncia a título de Miss Mundo Brasil 2015

Imprimir

Ana Luísa Castro renunciou ao título de Miss Mundo Brasil 2015 e, segundo o organizador, a  paulista Catharina Choi Nunes, de 25 anos, assumiu a coroa a partir desta segunda, 29.

Foto: Leonardo Rodrigues/MMB

Ana Luísa Castro

A representante de Sergipe foi eleita no sábado, 27, no concurso que aconteceu em Florianópolis. Segundo a organização, Ana Luísa não está de acordo com o regulamento, que só permite candidatas solteiras.

Foto: Leonardo Rodrigues/MMB

Catharina Choi Nunes 


Leia a nota de Ana Luísa Castro enviada à organização do Miss Mundo Brasil:


“Anteriormente à minha candidatura ao concurso Miss Mundo Brasil, informei ao meu coordenador estadual sobre a união com Tanguy De Backer, na Bélgica, união esta que está em processo homologação tanto na Bélgica quanto no Brasil. Com a orientação e informação dada pelo meu coordenador estadual de que a organização do concurso estava ciente e de acordo com a minha candidatura, segui em frente com toda a minha dedicação e esperança como representante de Sergipe no Miss Mundo Brasil. Infelizmente, não era o caso. Só após a coroação isso me foi revelado. Esta homologação pode se dar em um futuro próximo, o que poderia causar problemas para mim e para o concurso nacional. Por isto, é através desta nota que entrego a coroa e o título à vice Miss Mundo Brasil, com grande tristeza no coração. Asseguro que em nenhum momento agi de má-fé. Espero manter o contato e amizade com a organização do Miss Mundo Brasil e que a segunda colocada possa assumir e honrar este título com a mesma intensidade que o fiz nesse curto período de tempo”.


A organização do concurso afirmou que não estavam ciente do estado civil da candidata, que tem uma união homologada em outro país e decidiu por manter o processo de homologação para reconhecimento no Brasil. Ana Luísa nasceu em Vitória e seria a segunda negra a vencer o concurso, em mais de 50 anos. A primeira foi Joyce Aguiar, representante de São Paulo, há 14 anos.

Foto: Leonardo Rodrigues/MMB

Ana Luísa Castro e Catharina Choi Nunes

 

Fonte: Ego

Imprimir