Cidadeverde.com
Geral

Operação Mercedes: polícia apreende 12º carro de luxo em investigação sobre fraude

Imprimir

Fotos: Thiago Amaral/Cidade Verde

A Polícia Civil do Piauí apreendeu na tarde desta quinta-feira (17) o 12º carro de luxo supostamente adquirido por meio de operação fraudulenta. O veículo, um Mercedes-Benz C180 avaliado em R$ 130 mil, foi adquirido por R$ 40 mil por um empresário do ramo de alimentação. 

O veículo foi apreendido no bairro Cristo Rei, zona Sul de Teresina (PI), em cumprimento a um mandado de sequestro. O proprietário, que não teve seu nome revelado, prestou depoimento e alegou ter sido vítima de Roberto Alber Lima de Carvalho, suspeito de comandar o esquema de adulteração de documentos para compra de veículos. 

"Ele alega que foi vítima e apresentou alguns documentos que o Roberto teria entregue, mas já verificamos que esses documentos apresenados são de um laranja, são falsos", afirmou o delegado Matheus Zanatta, que comanda as investigações. Roberto continua foragido.

Desde a última terça-feira, 12 veículos foram apreendidos e duas pessoas presas na Operação Mercedes, que investiga fraudadores e empresários em um esquema de compra de carros de luxo por meio de documentos falsos. 

Entre os veículos apreendidos está um carro do cantor Léo Cachorrão, que alegou ser vítima dos golpistas. Ele prestou depoimento na última quarta-feira (18). 

Titular da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (Depre), o delegado Matheus Zanatta preside o inquérito por determinação do secretário estadual de Segurança Pública, Fábio Abreu. No entanto, ele garante que as investigações não envolvem tráfico de drogas. 

Fábio Lima
[email protected]

Imprimir