Cidadeverde.com
Últimas

Brasil enfrenta Noruega e a irregularidade em Pequim

Imprimir

A irregularidade marcou o desempenho do Brasil na primeira fase do torneio olímpico do futebol feminino em Pequim. Embora tenha passado invicta por uma chave com rivais como Alemanha e Coréia do Norte, o desempenho durante as partidas oscilou. No duelo contra a Noruega, nesta sexta-feira, a equipe lutará contra a irregularidade para avançar às semifinais.
 
Marta lembra o desempenho no segundo tempo da estréia, contra a Alemanha, para inspirar as companheiras. "Se jogarmos sempre como na segunda etapa, seremos campeãs. No entanto, fomos mal no primeiro tempo", recorda a camisa 10, que perdeu dois gols na segunda etapa.
 
Contra a Coréia do Norte, mais uma vez, a torcida viu duas atuações completamente distintas antes e depois do intervalo. "Fomos bem na primeira etapa, quando marcamos os dois gols. No segundo, caímos e demos espaço à Coréia", afirma o técnico Jorge Barcellos, sobre o gol levado no fim da partida.
 
Na última partida da primeira fase, mais uma vez o Brasil primou pela irregularidade. Fez um início de primeiro tempo fraco, quando levou um gol das adversárias. Após os 33 minutos da etapa, o jogo mudou , com Cristiane anotando os três gols da vitória. "Deu tudo certo no segundo tempo, para mim e para a Seleção", diz a jogadora, artilheira da Seleção na competição.
 
O jogo entre Brasil e Noruega começará às 7h (horário de Brasília), em Tianjin. Quem vencer, enfrentará Alemanha ou Suécia na semifinal.
 
Fonte: Terra
Tags:
Imprimir