Cidadeverde.com
Esporte

Corinthians oficializa contratação de Camacho, que assina por 3 anos

Imprimir

O Corinthians confirmou nesta segunda-feira a contratação do volante Camacho, que já treina com o elenco desde a última quinta-feira. Só nesta tarde, entretanto, é que o jogador de 26 anos, um dos destaques do Audax no Paulistão, assinou um contrato válido até 31 de julho de 2019.

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

O volante começou a carreira no Flamengo e, antes de se destacar na equipe de Osasco, jogou por outros times tradicionais, como Bahia, Goiás, Paraná e Botafogo. No vice-campeonato paulista, chamou a atenção de vários clubes da Série A. O Corinthians vê nele como opção para o lugar de Elias, que pode ser negociado com o futebol chinês na próxima janela de transferências.

A ideia da diretoria era, junto com Camacho, contratar o atacante Bruno Paulo. Mas o jogador, outro destaque do Audax, sofreu uma lesão no pé direito. Ele não passou nos exames médicos no Corinthians e iniciará um tratamento. A contratação dele, entretanto, não está descartada.

Além de Camacho e Bruno Paulo, outros destaques do Audax no Paulistão já chegaram a grandes equipes do Brasileirão. O atacante Ytalo foi apresentado na manhã desta segunda-feira pelo São Paulo, enquanto que o goleiro Sidão acertou com o Botafogo. O polivalente Tchê Tchê já estreou pelo Palmeiras.

Camacho não teme pressão

"É momento de falar pouco e trabalhar muito". Essas foram umas das primeiras palavras do volante Camacho ao ser apresentado como novo reforço do Corinthians, nesta segunda-feira. Ex-jogador do Audax, Camacho assinou contrato até junho de 2019 apenas um dia após a derrota do Corinthians para o Vitória por 3 a 2 pelo Campeonato Brasileiro.

O problema do time não é nem a derrota em Salvador, mas o fato de o Corinthians não vencer um jogo há mais de um mês, acumulando duas eliminações: na Copa Libertadores e no Campeonato Paulista. "Fui criado em clube de massa e estou acostumado com pressão", afirmou o jogador, formado nas categorias de base do Flamengo.

Camacho disse que prefere jogar na função de segundo volante, mesma posição de Elias, que está com a seleção brasileira nos Estados Unidos para a disputa da Copa América Centenário. "Mas se precisar jogar em outras posições, estou à disposição", disse.

O jogador de 26 anos agradeceu ao ex-treinador Fernando Diniz. Segundo Camacho, com o técnico, ele evoluiu taticamente, passou a marcar e se movimentar mais dentro de campo. "70% da minha campanha no Audax devo a ele (Diniz). Ele me resgatou no momento difícil e me tornei um outro jogador", comentou o reforço corintiano.


Fonte: IG

Imprimir