Cidadeverde.com
Geral

ACABA A GREVE: Ferroviários voltam ao trabalho amanhã

Imprimir
Após duas semanas de paralisação, deve acabar oficialmente na próxima sexta-feira (29) a greve dos ferroviários, que teve início em 12 de agosto. O acordo firmado nesta quinta-feira na Procuradoria Regional do Trabalho garantiu que a Transnordestina terá de rever o processo de demissão de servidores, que teriam saído sem justa causa (incluindo sindicalistas); maior velocidade nas sindicâncias internas para apurar desvios de conduta dos funcionários; e compromisso de abertura para novas negociações futuras.



Além da empresa rever cinco processos de dispensa, ficou acordado que um empregado será disponibilizado para o Sindicato, com ônus para a Transnordestina. Outra decisão é de que, caso deferidas, as ordens judiciais de reintegração de empregados serão cumpridas. A garantia foi dada pelo diretor-presidente da empresa, Tufy Daher Filho, por telefone. Mesmo os reintegrando, a empresa poderá recorrer, assim como o sindicato poderá fazê-lo em cado de decisões contrárias.

Também ficou garantido no acordo que nenhuma punição será aplicada aos grevistas em função da paralisação. Os serviços devem ser normalizados nesta sexta-feira, quando a categoria realiza assembléia para homologar o acordo.

O chefe da Procuradoria Regional do Trabalho, João Batista Luzardo Soares Filho,elogiou a postura dos trabalhadores e da Empresa por aceitarem as conversações que resultaram em acordo.

Nas conversações que resultaram no fim da greve dos ferroviários estavam presentes e foram signatários do acordo o diretor de Logística da Transnordestina, Edison Pinto Coelho, as advogadas da empresa, Ana Cristina Martins de Figueiredo e Maria Auxiliadora Machado de Almeida, o presidente do Sindicato dos Ferroviários Claudionor Ferreira de Sousa e os diretores Jocemar de França Lima, Áureo José Castro de Oliveira, Luís Nelson Alves Reis, Geílson Nascimento da Silva, José Narcélio Ramos de Castro, Edmundo Claves de Oliveira Filho, Arnaldo Vieira Marques e o presidente da Central Única dos Trabalhadores no Piauí João Batista Gonçalves Honório.

Da Redação (com informações do MPT)
[email protected]

Tags:
Imprimir