Cidadeverde.com
Geral

Voz de Fagner teria sido imitada no interior do Ceará

Imprimir

Primeiro foi o presidente Luiz Inácio Lula da Silva que teve sua voz fraudada nos municípios de Granja e Acopiara. Agora, o cantor Raimundo Fagner enfrenta o mesmo problema, só que em Crato, localizado a 588 quilômetros da capital Fortaleza.

"Fagner" surge durante a propaganda gratuita de rádio cantando uma paródia da música "Espumas ao vento", que traz uma mensagem de apoio ao candidato a prefeito pelo PMDB, Walter Peixoto.

A participação do cantor é anunciada ao eleitorado como um pedido do deputado federal Ciro Gomes (PSB), que apóia o peemedebista.
No áudio, o suposto Fagner falso se refere a Peixoto como "Waltim" por quatro vezes e diz que o candidato é honesto, trabalhador e um homem do povo que ajuda sempre o pobre.

O falso Fagner fala também que o Crato agradece a tudo o que o postulante fez e que Walter é o prefeito que a população sempre quis.
Para encerrar, "Fagner" pede: "no dia 5, vote 25, amigo eleitor".

O cantor Fagner, o verdadeiro, se pronunciou a respeito e se disse surpreso quando soube da existência da gravação, que classificou como "grotesca e fraudulenta" numa mensagem veiculada por uma emissora de rádio local.

- "Em nenhum momento fui consultado. É um abuso de minha imagem que desaprovo e condeno, porque, quando me envolvo em campanhas, faço isso com transparência e pessoalmente e não fico me utilizando de subterfúgios", afirmou, solicitando que o material fosse retirado do ar imediatamente.

Já Walter Peixoto não comentou o caso, que está na Justiça porque a coligação do seu adversário na corrida à prefeitura, o tucano Samuel Araripe, denunciou a fraude.

Além disso, Fagner também ameaça acionar a Justiça caso as gravações não deixem de ser veiculadas.

Tags:
Imprimir