Cidadeverde.com
Geral

Quadrilha monitorou familiares dos seguranças da Servi-San; assista vídeo

Imprimir

 

A  direção da Servi-San informou, com exclusividade à TV Cidade Verde, que os criminosos que participaram do assalto milionário à empresa, neste domingo (11), fizeram uma espécie de "tortura psicológica" com os funcionários que estavam na seguradora no momento do roubo.

Informações repassadas ao repórter Tiago Melo apontam que os assaltantes sabiam particularidades da rotina do funcionários.  Os bandidos tinham conhecimento, por exemplo, do endereço e detalhes sobre a família de cada um, se tinha filhos, dias de plantões, dentre outras.  

Outro detalhe curioso é que o funcionário Feliciano Mendes[suspeito de participar do assalto] chegou a ir trabalhar no sábado alegando que cobriria  o expediente de outro empregado chamado Bento, que estaria doente. Feliciano, inclusive, apresentou atestado médico do colega de trabalho.

Bandidos usaram ramais

A direção da Servi-San também assegurou que os bandidos conheciam a logística de funcionamento da empresa. Quando abriram os portões, eles chegaram a se comunicar, através dos ramais do telefone da seguradora, com vigilantes que poderiam dificultar suas ações.

Neste momento eles falaram o endereço onde os funcionários moravam ,se tinham família, esposa, que roupam vestiam  e outras informações fieis à realidade dos empregados.

 

Assalto era planejado há 3 meses

A Servi-San informou, ainda, que este assalto deveria acontecer há cerca de 90 dias. De acordo com a direção da seguradora, o roubo só não foi praticado porque a pessoa escolhida para ser sequestrada havia sido demitida. 

A empresa de transporte de valores esclarece, ainda, que o rombo financeiro do assalto ainda não foi contabilizado. Informações inicias da seguradora estimam que os bandidos roubaram valor em torno de R$15 milhões. 

 

Flash Izabella Pimentel com informações de Tiago Melo

[email protected]

  • carlos-fabio.jpg Graciane Sousa
  • servi-san.jpg Graciane Sousa
  • servi-san-d.jpg Graciane Sousa
  • carros.jpg
  • carros11.jpg
  • funcionariook.jpg
  • carrrrro.jpg
  • 33d38fae-b9e2-4b1e-ba63-e0777f2ad0be.jpg
  • 118beae3-dad5-4e26-9db7-046e0275c262.jpg Diretor adjunto da escola
    Graciane Sousa
  • 906b1534-671a-4c26-9a60-7f0f097f462c.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 8445fc08-601d-4512-abbc-2e2e2d0dbe84.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 4331193d-6e5d-46c1-958a-fcba144acf6b.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 38236040-6bda-4d75-ac10-a9eb41d29247.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 86045928-28f2-4860-ac23-a97c20d816bd.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • a8189fa0-dc8e-4c00-89d0-0c64e91c8c0b.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • d356fa1a-1c63-4b3d-a8e6-8a4ac6597c8c.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
Tags: servi-san
Imprimir