Cidadeverde.com
Esporte

Na estreia da Copa dos Campeões, Brasil bate a França e “se vinga”

Imprimir

Apesar de sets apertados, a Seleção Brasileira masculina de vôlei venceu a França por 3 sets a 0 (27/25, 27/25 e 25/22), na madrugada desta terça-feira, e estreou com o ‘pé direito’ na Copa dos Campeões, que acontece no Japão, de quatro em quatro anos.

Brasil havia perdido para a França na final da Liga Mundial deste ano (Foto: Divulgação/FIVB) 

A partida foi disputada no Nippon Gaishi Hall, em Nagoya, e teve 1h29 de duração. O ponteiro Lucarelli foi um dos principais destaques do jogo. Ele teve 15 acertos, sendo 12 de ataque e três de bloqueio, e foi o maior pontuador da equipe brasileira. Após o triunfo, ele comentou sobre a alegria de começar o campeonato vencendo.

“É sempre muito complicado jogar contra a França, ainda mais em uma estreia, que sempre gera ansiedade. Estamos muito felizes com esta vitória, mas já temos que concentrar para o jogo de amanhã [quarta-feira]”, disse o atleta.

Vale ressaltar que o Brasil havia sido derrotado pelos franceses na final da Liga Mundial deste ano e, portanto, o resultado reserva um “sabor especial” aos brasileiros. 

Apesar disso, Lucarelli acredita em uma melhora: “Estou feliz por começar o campeonato vencendo a França de 3 a 0, mas nem tão satisfeito com o rendimento do time. Podemos render um pouco mais. Tivemos pontos positivos, mas pecamos em alguns que não podemos, como o sistema de passe”, acrescentou.

Na madrugada desta quarta-feira, também às 0h40 (de Brasília), a Seleção Brasileira enfrenta a Itália e reedita o duelo da final dos Jogos Olímpicos do Rio, no ano passado. Naquela ocasião, a equipe verde-amarela saiu vitoriosa.

“Sabemos que vai ser uma partida muito difícil. Enfrentar a Itália é garantia de um jogo duro. Tiramos coisas boas deste jogo de hoje [terça-feira], mas também sabemos que podemos melhorar em alguns aspectos e é essa a nossa mentalidade para amanhã [quarta-feira] e para o resto do campeonato”, finalizou o ponteiro.


Fonte: Gazeta Esportiva

Imprimir