Cidadeverde.com
Economia

Piauí cai para 19º no ranking do valor total da produção agrícola no país

Imprimir

Dados da Pesquisa Agrícola Municipal (PAM), divulgados pelo IBGE, revelam que o Piauí caiu para a 19ª posição no ranking dos estados brasileiros quanto ao valor total da produção agrícola em 2016. O Piauí passou de uma participação de 1% em 2015, para 0,5% em 2016, no que diz respeito ao valor total do que foi produzido no país na área agrícola. 

Segundo a PAM, o valor total da produção agrícola do Piauí caiu de R$ 2.673.271.000,00, em 2015, para R$ 1.728.060.000,00, em 2016.  Esse decréscimo tirou o Estado da 15º posição no ranking.

São Paulo, com 16,4% do valor total da produção, é o primeiro colocado no ranking, enquanto o estado do Amapá, com 0,1% do valor total, é o último colocado. 

Soja e milho

Segundo Eyder Mendes Vilanova e Silva, supervisor de documentação e disseminação de Informações do IBGE, nos últimos dez anos, o Piauí registrou a maior produção de soja em 2015.

“A produção obtida em 2016, de 644.263 toneladas só foi superior à produção do ano de 2007, que foi de 484.940 toneladas. Nesse período a maior produção foi obtida exatamente no ano anterior, de 2015, quando foram colhidas 1.772.722 toneladas de grãos, tendo havido portanto uma queda da produção em 2016 da ordem de 63,65%”, explica.

Segundo ele, nesse período chama a atenção o fato da grande queda na produção de dois produtos tradicionais da agricultura piauiense: o feijão e o arroz. “A produção obtida de feijão em 2016, de 21.959 toneladas, é 43% inferior àquela obtida há dez anos (2007) e 72,5% inferior à maior produção obtida na série histórica, que foi no ano de 2011, quando foram colhidas 79.946 toneladas. No caso do arroz, a situação de queda na produção no período analisado foi ainda mais acentuada, pois em 2016 a produção foi de 43.488 toneladas, que é 70% inferior à produção obtida há dez anos atrás (2007), e 84% inferior ao que foi colhido na maior safra da série histórica, que foi no ano de 2011, onde foram obtidas 271.620 toneladas”, detalha o supervisor.

No Brasil, o valor total da produção agrícola foi de R$ 317,5 bilhões, 20,0% maior do que em 2015. Os principais fatores que contribuíram foram os aumentos nos valores de produção de soja (16,1%), milho (26,5%), cana-de-açúcar (18,3%) e café do tipo arábica (43,5%). As culturas de soja, milho e cana-de-açúcar concentraram 61,2% do valor de produção nacional.

A PAM 2016 investiga, com detalhamento por grande região, unidade da federação e município, as variáveis relativas à produção de 63 produtos agrícolas, incluindo 36 grãos que também são analisados mensalmente pelo Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) e 22 tipos de frutas.

Hérlon Moraes (Com informações do IBGE)
herlonmoraes@cidadeverde.com

Imprimir