Cidadeverde.com
Esporte

Poupando titulares para a final, Flamengo fica no empate contra o Avaí

Imprimir

Na Ilha do Urubu, o Flamengo recebeu o Avaí com um time alternativo e ficou no empate por 1 a 1. Rodinei fez para os donos da casa, enquanto Pedro Castro marcou para a equipe catarinense. Time carioca perdeu a chance de entrar no G-4 do Brasileirão. 

Com o apoio dos torcedores, o Flamengo começou imprimindo um ritmo muito forte e logo no primeiro minuto Everton Ribeiro assustou de fora da área. O Avaí respondeu pelo alto e na segunda bola cruzada na área rubro-negra, ninguém da zaga afastou e Pedro Castro abriu o placar para os visitantes. 

O Rubro-Negro continuou pressionando para empatar, e Matheus Savio e Lucas Paquetá levaram perigo ao gol defendido por Douglas. A zaga do Flamengo estava perdida no primeiro tempo. Primeiro Márcio Araújo se enrolou e deixou Pedro Castro na cara do gol, mas Diego Alves fez um milagre. A outra falha foi de Vaz, que após furar, viu Joel finalizar com perigo. 

Os catarinenses começaram a apostar nos contra-ataques, enquanto o Fla tinha dificuldades para acertar o último passe.  Na volta para o segundo tempo, o Flamengo continuou pressionando e Douglas teve muito trabalho.

Primeiro o camisa 22 do Avaí evitou o gol de Renê e depois o de Everton Ribeiro. Com os visitantes totalmente recuados, a torcida foi perdendo a paciência na Ilha do Urubu e Márcio Araújo e Gabriel foram alvos de muitas vaias. 

Nos 15 minutos finais, o Flamengo se lançou para o ataque e após tanto insistir conseguiu um gol. Um gol não, um golaço! No rebote do escanteio, Rodinei limpou da entrada da área e soltou uma bomba sem chance alguma para Douglas fazer a defesa. Com o placar empatado, o jogo ficou aberto e o Avaí tinha oportunidades nos contra-ataques, mas parava em atuação sólida de Rhodolfo. 

Com Vinicius Jr, o Flamengo apostava nas jogadas de velocidade e no um contra um. Diego Alves praticamente não trabalhou durante toda a etapa e aos 43 minutos do segundo tempo o camisa 1 do Rubro—Negro fez a primeira defesa após um chute forte de Capa de fora da área. 

Nos minutos finais, o time da casa deixava muitos espaços e Williams disparou sozinho e só não fez o segundo para o Avaí porque Diego Alves estava atento e fez outra intervenção. Felipe Vizeu ainda teve a última bola do jogo, mas cara a cara com o goleiro, o camisa 47 errou a cabeçada e mandou por cima. 


Fonte: Terra

Imprimir