Cidadeverde.com
Geral

"Nenhuma árvore será derrubada na Frei Serafim", garante secretária

Imprimir

"A avenida Frei Serafim deve ser preservada e nenhuma árvore será derrubada", é o que garante a secretária executiva de planejamento urbano do município, Jhamile Almeida. Em entrevista ao Jornal do Piauí desta quinta-feira (23), a secretária explicou as prioridades da prefeitura, em relação as intervenções necessárias para o canteiro central da avenida e esclareceu que o projeto elaborado não é igual ao das demais estações já construídas na cidade.

"É importante frisar que a ideia é que essa parada não seja semelhante as que estão sendo feitas. A ideia é que na Frei Serafim sejam colocadas estações de passageiros diferentes, mais leves e em posição estratégica para que nenhuma árvore seja retirada e que não seja diminuído o canteiro central da avenida", explica a secretária.

A polêmica envolvendo essas intervenções reacendeu após a declaração do superintendente da Strans, Carlos Daniel de que serão construídas pelo menos sete estações para embarque de passageiros no transporte coletivo de Teresina. Em matéria exibida no Jornal do Piauí da última quarta-feira (22), o superintendente explica que essa deve ser uma das últimas etapas para o pleno funcionamento do plano de mobilidade urbana e integração dos transportes coletivos previsto para a capital.

O projeto será apresentado na próxima quinta-feira (30) ao conselho de patrimônio Material e Natural do município e no dia 5 de dezembro uma audiência já está marcada no Ministério Público Estadual para debater o assunto. 

Jhamile Almeida reforça que qualquer intervenção realizada no local deve manter o formato de boulevard e o tamanho do canteiro central. A secretária contextualiza que historicamente a avenida já sofreu diversas mudanças e que seu formato atual existe há apenas 10 anos, quando fontes foram substituídas por mais espaço para pedestres e bancos. 

"A ideia é procurar um consenso entre todos os atores envolvidos. Estamos em conversa com o Ministério Público para apresentar a eles essa pré-concepção e a proposta de intervenção para que possamos chegar a um consenso e dar mais conforto ao usuário do transporte. A vegetação vai camuflar o máximo possível essa intervenção. De repente o projeto vai melhorar e quem sabe se tornar um símbolo a mais. Dentro dessa situação a vegetação e arborização deverá ser protagonista", pontua a secretária.

Os planos da prefeitura é que a fase de elaboração do pré-projeto seja concluída até janeiro e que a partir daí seja iniciado o projeto executivo.

Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com

Imprimir