Cidadeverde.com
Política

Governo prevê entrega do Albertão somente em 2010

Imprimir
O governador (em exercício), Themístocles Filho, e o secretário de Infra-estrutura, Avelino Neiva, estiveram na manhã de hoje (24) no Estádio Engenheiro Alberto Silva, o ‘Albertão’, para inspecionar as obras de reforma da mais importante praça de esporte do Piauí. Themístocles Filho ressaltou que a visita foi uma recomendação expressa do governador Wellington Dias, antes de embarcar para a Europa.
 
Foto: Divulgação
 
“Antes da viagem à Itália, o governador Wellington Dias recomendou que eu e o secretário Avelino Neiva viéssemos ao Albertão para acompanhar o andamento das obras. Tudo está sendo feito dentro do que estabelece a legislação, daí a demora na conclusão das reformas”, lembrou Themístocles Filho, ressaltando que cabe aos engenheiros responsáveis pelo serviço estabelecer o tempo necessário para a conclusão da reforma. “Essa avaliação cabe aos engenheiros”.     

O secretário Avelino Neiva, assessorado pelos engenheiros que executam o projeto da reforma, explicou ao governador, durante a vistoria do estádio,  que toda a estrutura de fundação do Albertão está sendo reformada, desde o aterro abaixo das fundações, comprometido pela infiltração das águas das chuvas e  pela ação do tempo, às colunas de sustentação, torres de iluminação e outras estruturas com algum dano material, rachaduras ou desgaste. Segundo o secretário, as obras podem durar de seis meses a um ano e meio.

O governador percorreu as arquibancadas, onde pode acompanhar os teste de ultra-som realizados com equipamentos de última geração para avaliar o comprometimento do concreto. O governador também observou a injeção de concreto sob pressão (até 1 kgf) no solo abaixo da arquibancada (no lado da geral), onde o aterro foi comprometido por infiltrações.   

Themístocles Filho e Avelino Neiva estavam acompanhado dos deputados João de Deus, Flora Izabel (PT) e Ubiraci Carvalho (PDT), além do presidente da Fundespi (Fundação de Desportos do Piauí), Vicente Sobrinho, e do diretor do Detran-pi (Departamento Estadual de Trânsito), Jesus Rodrigues.

Após a inspeção, Avelino Neiva e Vicente Sobrinho se reuniram com os representantes da empresa Seebla, que elaborou o projeto original do Albertão. Da reunião também participaram os arquitetos Anselmo Trindade e Renato Silveira, que responsáveis pela adequação de estádios como o Engenhão, no Rio de Janeiro, e o Castelão, em Fortaleza (CE),  ao Estatuto do Torcedor.

A Seinfra e a Fundespi vão atuar em parceria para executar a segunda etapa do projeto, que inclui a recuperação total das instalações elétricas, hidráulicas, telefônicas, sanitárias e pluviais, bem como a reforma das cabines de imprensa, vestiários e demais dependências do estádio, adequando esses ambientes às normas vigentes de acessibilidade, climatização, circulação e estacionamento, estabelecidas pela Fifa e pelo Estatuto do Torcedor.


[email protected]

Tags:
Imprimir