Cidadeverde.com
Geral

FMS confirma surto de meningite na zona rural

Imprimir

A gerente de Epidemiologia da Fundação Municipal de Saúde, Amparo Salmito, confirmou a existência de um surto de meningite viral em Teresina, na região da zona rural da capital. Foram registrados 10 casos na Cerâmica Cil, 1 caso no Angelim e 1 caso na Taboca do Pau Ferrado.

Os registros da doença foram supostamente ocasionados por água e alimentos contaminados. Desde segunda-feira (03) uma equipe da Fundação Municipal de Saúde está na Cerâmica Cil fazendo a limpeza e instruindo a população local.

A meningite viral não tem vacina e o tratamento é sintomático. Amparo Salmito disse que uma grande quantidade de casos registrados em curto espaço de tempo. Apesar disso, não é motivo para pânico, pois a cura da doença acontece em cerca de uma semana e não deixa seqüelas.

A maioria dos casos ocorreu em crianças de 2 a 15 anos. Somente um caso em adulto foi registrado. Até 31 de outubro foram registrados 228 casos de meningite em Teresina (incluindo o tipo viral).

A gerente disse também que esse número é considerado baixo para uma população como Teresina. A médica informou ainda que foram coletadas amostras de água na Cerâmica Cil que serão enviadas para Fundação Osvaldo Cruz no Rio de Janeiro para análises. 

Até o momento nenhuma morte foi registrada. A Fundação Municipal recomenda que as pessoas mantenham a higiene em suas casas e também a higiene pessoal, pois é através de vírus que a doença se manifesta. Os sintomas da meningite são febre alta, dor de cabeça, vômitos e dor no pescoço (principal característica).

 

Flash de Záira Amorim
[email protected]

Tags:
Imprimir