Cidadeverde.com
Esporte

Botafogo derrota Vasco e conquista primeira vitória fora de casa

Imprimir

Depois de três jogos, o Botafogo voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. Em partida disputada na noite deste sábado no estádio de São Januário, a equipe de General Severiano derrotou o Vasco por 2 a 1 e aumentou a crise do clube cruz-maltino.

Botafogo venceu o Vasco em São Januário (Foto: Paulo Fernandes/CRVG)

Com a vitória, o Botafogo chegou aos 12 pontos ganhos e subiu para a décima posição. Já o Vasco segue com 11 pontos na 12ª colocação. Os gols foram marcados por Kieza e Igor Rabello para o time visitante, descontando Andrey para a equipe de São Januáio.

Na reedição da decisão estadual, Botafogo e Vasco fizeram um jogo movimentado, pois as duas equipes tinham muita necessidade de vitória. O Botafogo foi bem melhor no primeiro tempo e abriu dois gols de vantagem. 

O time dirigido por Zé Ricardo melhorou na etapa final, mas não teve precisão nas finalizações para chegar ao empate e acabou amargando mais um resultado decepcionante na temporada.

Na próxima rodada, o Vasco vai enfrentar o Cruzeiro, no Mineirão; o Botafogo vai receber o Ceará, no Nilton Santos.

Os dois times começaram a partida trocando passes de forma lenta, mas logo aos quatro minutos, no seu primeiro ataque, o Botafogo marcou. O volante Jean invadiu pela direita e cruzou forte, o goleiro Fernando Miguel deu rebote e Kieza, muito oportunista, apareceu livre para empurrar a bola para as redes cruz-maltinas.

Em desvantagem, o Vasco não teve outra alternativa e precisou partir para o ataque. Aos seis minutos, Wágner fez bom passe a Yago Pikachu que chutou vom muito perigo, mas a bola saiu.

O time de Zé Ricardo tentava chegar ao ataque com Pikachu e Waáner aberto pelas extremas e Giovanni Augusto tentando se juntar a Andrés Rios na frente.

Aos 11 minutos, o meia Marcos Vinicius sentiu lesão e precisou ser substituído. O jogador tinha voltado ao time na semana passada depois de passar muito tempo no departamento médico. Rodrigo Pimpão entrou em seu lugar.
O Vasco rodava a bola tentando abrir espaços na defesa adversária, mas foi o Botafogo que voltou a incomodar aos 16 minutos em cabeçada perigosa de Joel Carli.

O time dirigido por Zé Ricardo tocava bem a bola até chegar na intermediária do Botafogo, mas não conseguia ultrapassar a boa marcação da equipe visitante.

Só aos 27 minutos é que o Vasco apareceu na área. Giovanni Augusto caiu pedindo a marcação de pênalti, mas o árbitro mandou o jogo seguir.

Aos 35 minutos, o Botafogo ampliou. Em falta do lado direito do ataque, Léo Valencia levantou na área e Igor Rabello subiu mais do que a zaga vascaína para cabecear sem chances para Fernando Miguel.

O Vasco tentou responder dois minutos depois com um chute cruzado de Yago Pikachu que Jefferson defendeu bem. Aos 45 minutos, a equipe cruz-maltina voltou a ameaçar em conclusão de Giovanni Augusto que bateu na rede, pelo lado de fora.

O Vasco voltou para o segundo tempo com Ramon no lugar de Fabrício que foi muito vaiado na etapa inicial. E o Vasco chegou na área botafoguense antes do primeiro minuto com cruzamento de Ramon que complicou a defesa de Jéfferson. 

Logo depois, Giovanni Augusto bateu rasteiro e o goleiro do Botafogo defendeu sem dificuldades. O time da casa seguia pressionando e, aos cinco minutos, foi a vez de Pikachu concluir e obrigar Jéfferson a desviar para escanteio.

Depois de muito pressionar, o Vasco marcou o primeiro gol aos sete minutos. Andrey recebeu na intermediária e arriscou o chute. Jéfferson tentou a defesa, mas a bola tinha endereço certo.

Animado com o gol e empurrado pela torcida, a equipe de São Januário passou a pressionar em busca do empate. O Botafogo só voltou a ameaçar aos 18 minutos, Valencia bateu falta, Carli desviou e Rodrigo Lindoso errou na conclusão, perdendo a chance de marcar o terceiro.

O Vasco teve grande chance de empatar aos 23 minutos. Pikachu, o mais criativo dos jogadores vascaínos, fez ótima jogada e deixou Andrés Rios em excelente condição para marcar, mas o argentino bateu por cima do travessão.

Zé Ricardo tentou dar mais força ofensiva ao seu time e trocou o meia Giovanni Augusto pelo atacante Riascos.
Aos 27 minutos, Riascos errou na saída de bola e Kieza foi lançado na área, mas o goleiro Fernando Miguel fez grande defesa, impedindo o terceiro gol do Botafogo.

O técnico do Vasco tirou o zagueiro Erazo e colocou o meia Lucas Santos para aumentar a pressão sobre o Botafogo que quase não conseguia sair da defesa. O time de General Severiano só voltou a aparecer no ataque aos 39 minutos, após falha da defesa cruz-maltina. Rodrigo Pimpão lançou Luiz Fernando que chutou e a bola bateu no rosto de Fernando Miguel que havia saído para fechar o ângulo.


Fonte: Gazeta Esportiva

Imprimir