Cidadeverde.com
Política

Fábio Novo diz ser legítimo movimento dos prefeitos e defende Margarete

Imprimir

O líder do PT na Assembleia Legislativa do Estado, deputado Fábio Novo, manifestou apoio a vice-governador Margarete Coelho (PT). Segundo ele, o movimento de prefeitos progressistas é legítimo. O petista  diz que a chapa majoritária do governador Wellington Dias (PT) precisa ter a participação de mulheres.

“O PT não pode ter posição. O PT vai defender que tenhamos o consenso entre os partidos. Agora  a minha posição pessoal é que devemos ter  uma mulher na chapa. Defendo isso porque fui presidente do PT e foi na minha gestão que aprovamos a paridade de gênero, onde as mulheres representam 50% dos cargos de direção do partido. As mulheres são apenas 8% dos cargos eletivos que existem no país”, destacou. 

Fábio afirma que com a proximidade do período das convenções, os partidos devem intensificar as manifestações como forma de demonstrar força na disputa. “É legítimo. O momento é de conversas. É legítimo que os partidos comecem a se articular e cada vez mais com eventos como almoço de prefeitos, reunião de deputados, tentando legitimar seus pleitos para a formação da chapa. É legítimo que um movimento para a permanência da vice-governadora Margarete Coelho. Também é legítimo um movimento do MDB. O momento é de discutir política. É a arte do diálogo. É conversando que você se entende. Vamos torcer para que o entendimento ocorra e que possamos conseguir e montar uma boa chapa”, destacou.

O PT não tem posição formada com relação à vaga de vice-governador.  Enquanto Fábio Novo defende o nome de Margarete, há lideranças da sigla que defendem o nome do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho (MDB). 

Lídia Brito
lidiabrito@cidadeverde.com

Imprimir