Cidadeverde.com
Esporte

Santos vai enviar ofício à CBF e pedir vaga na Libertadores à Conmebol

Imprimir

O Santos irá até o fim para ser ressarcido pelo que entende ter sido erro da própria Conmebol no caso envolvendo o volante Carlos Sánchez, escalado de maneira irregular na partida de ida das oitavas de final da Libertadores. 

Punido com derrota por 3 a 0 para o Independiente, na Argentina, e consequentemente eliminado do torneio, o Alvinegro vai solicitar à entidade que lhe garanta uma vaga na edição de 2019 da competição. Além de um ressarcimento financeiro. Ao menos é o que garantiu o presidente José Carlos Peres. 

- Santos foi prejudicado pela própria Conmebol, ela vai entender que errou e com isso vamos querer o dinheiro que nos é devido e também uma garantia de vaga na Libertadores do ano que vem. Fomos muito prejudicados. Vamos até o final - disse Peres, citando que conversará com a própria entidade. O jurídico do Santos, porém, fala em "ir até o fim" tentando um recurso no TAS. 

Erro contra o Grêmio também será notificado 

Peres garantiu que o Santos falará também diretamente com a CBF a respeito do erro do árbitro Wilton Pereira Sampaio, que não marcou pênalti claríssimo de Geromel em cima de Rodrygo. O árbitro Fifa de Goiás não reconheceu o erro após a partida. Uma discussão entre Renato e Gabgiol também será levada à entidade brasileira. 

- O pior é que o juiz não reconhece quando erra. Nós vamos oficializar à CBF nosso protesto, mandando a fita do jogo, tudo... Nós tivemos também o lance do Renato Gaúcho, que pegou o Gabigol dentro do campo, temos a foto. Fora da área de trabalho. O VAR é muito importante, mas tem o problema do custo. Quando a CBF propôs, tínhamos de pagar. Times médios e pequenos não iriam suportar, nós grandes sim - completou Peres. 

Novo diretor de futebol em até uma semana

Com a saída de Ricardo Gomes para o Bordeaux, da França, o Santos busca no mercado um novo gerente executivo de futebol. Segundo Peres, ele será anunciado na próxima semana.
?
- Estamos trabalhando, acho que até esse semana vamos definir. Vamos ter uma semana sem jogo, vamos descansar, vai dar para providenciar um novo diretor executivo - finalizou.


Fonte: Lance

Imprimir