Cidadeverde.com
Geral

"É uma questão de conversa", diz Firmino sobre impasse com Sílvio Mendes

Imprimir

O prefeito Firmino Filho (PSDB) classificou na manhã desta quinta-feira (13) como "uma questão menor" os motivos que levaram o presidente da Fundação Municipal de Saúde, Silvio Mendes (PP) a pedir exoneração do cargo.  

Firmino confirma que mantém a posição de não aceitar o pedido de exoneração. O tucano destacou o trabalho feito por Silvio Mendes na Fundação de Saúde. 

"Nada demais. Foi um motivo que entendo pouco relevante.  Da nossa parte não aceitamos o pedido de Silvio Mendes. Entendemos a importância dele para como dar a saúde pública da nossa cidade. O Silvio faz uma rápida viagem até o final de semana e na próxima semana vamos conversar. Não apenas como bons amigos, mas como companheiros e pessoas comprometidas com Tereseina", destacou.

Firmino se recusou a esclarecer o motivo. 

 "Não sei o motivo. Não tenho muita informação. Independente do motivo não vejo nada que justifique a saída dele, pelo contrário, tem conduzido o processo de reajuste da saúde e estamos no meio desse processo. É importante que ele continue liberando essa frente de batalha", afirmou.

Firmino acredita que após conversar com Silvio Mendes, ele continuará na pasta.

"Acredito que ele continua. É uma questão de conversa e busca de entendimento. É uma questão  menor", afirmou.

 

Flash Lídia Brito
redacao@cidadeverde.com

Imprimir