Cidadeverde.com
Últimas

83% dos municípios não atingem meta da rubéola

Imprimir
A saúde do Piauí tem números a lamentar. O Estado teve a pior cobertura vacinal contra a rubéola no país, com apenas 40 municípios que atingiram a meta de 95% da população imunizada, dado estabelecido pelo Ministério da Saúde. Cerca de 83% das cidades piauienses não conseguiram realizar a vacinação, o que corresponde a 184 municipios.

Os números causaram preocupação na Secretaria Estadual de Saúde(Sesapi). Nesta terça-feira(25), o secretário Assis Carvalho esteve reunido com o presidente da APPM, Raimundo Nonato Marreiros, para pedir apoio da associação. Na próxima terça-feira(02), os prefeitos dos municípios que não atingiram a meta serão convocados em reunião para realizar nova vacinação para homens e mulheres.

"Estamos fazendo esse apelo, já que os prefeitos não deram o grau de importância necessário no combate à doença. Eles serão convocados em Teresina para apresentar os números e dizer porque essa meta não foi atingida nessas cidades", afirmou o secretário Assis Carvalho.
A data limite estabelecida pela secretaria para uma nova campanha de vacinação será o dia 5 de dezembro. A ação emergencial visa recuperar os números e conseguir imunizar um número maior da população. A vacina contra a rubéola deve ser aplicada em homens e mulheres com idade entre 20 e 39 anos. A contra-indicação é apenas para as mulheres grávidas.
 
Veja alguns números da cobertura vacinal no Piauí:
 
Dez piores índices (municípios que estão com índice abaixo de 60% de cobertura)
 
São Luís do Piauí 51,97%
Aroeiras do Itaim 54,09%
Caracol 55,68%
Canavieira 56,92%
São Miguel da Baixa Grande 58,18%
Elesbão Veloso 58,57%
Monte Alegre do Piauí 58,59%
Coronel José Dias 58,85%
Parnaguá 59%
Dom Inocêncio 59,46%
 
 

 
Záira Amorim
[email protected]
Tags:
Imprimir