Cidadeverde.com
Política

Firmino discute implantar programa de inclusão social do Ministério da Defesa

Imprimir


Foto:Ascom/PMT

O prefeito Firmino Filho discute, em Brasília, a possibilidade de implantação de um programa de inclusão social para crianças e adolescentes. A novidade foi à pauta da reunião realizada na manhã de hoje entre o prefeito e o secretário de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto do Ministério da Defesa, brigadeiro Ricardo Machado. O encontro faz parte da agenda da Frente Nacional de Prefeitos (FNP).

O programa Forças no Esporte (PROFESP) beneficia as crianças e jovens atendidos com alimentação saudável e de qualidade, práticas esportivas e culturais, reforço escolar, ações cívico-sociais e campanhas educativas no contra turno escolar. É desenvolvido pelo Ministério da Defesa, com o apoio da Marinha, Exército e Aeronáutica, e em parceria com os Ministérios da Cidadania.

Firmino destacou que a iniciativa deverá ajudar na melhoria dos resultados educacionais e da qualidade de vida de alunos das escolas municipais de Teresina. “Nas próximas semanas deveremos visitar as organizações do Exército Brasileiro em Teresina, o 2° Batalhão de Engenharia de Construção e o 25º Batalhão de Caçadores, para prosseguir nas tratativas e tentar trazer o programa para a nossa cidade”, disse.
 
Ainda como parte da agenda junto com a Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Firmino esteve também em audiência com Luiz Henrique Mandetta, ministro da Saúde, e com Paulo Guedes, ministro da Economia.

No Ministério da Saúde, a pauta foi em torno de assuntos como os custos crescentes da saúde para os cofres municipais, a necessidade de turno extra de atendimento em postos de saúde, políticas públicas para a prevenção da Aids, além do preenchimento de vagas no Programa Mais Médicos. A preocupação dos prefeitos em relação aos custos com saúde, é que a Atenção Básica, competência municipal, tenha seu funcionamento e financiamento comprometidos, gerando um custo ainda maior para o sistema de saúde como um todo, ao sobrecarregar os setores de urgência, emergência, média e alta complexidades.

Já com Paulo Guedes, ministro da Economia, o grupo de prefeitos da FNP tratou sobre Reforma da Previdência, retomada de investimentos nos municípios e o novo Pacto Federativo. “Falamos sobre a necessidade dos municípios terem um diálogo federativo. Os municípios precisam ser ouvidos para que nós possamos ter de fato um novo momento, vivemos uma perspectiva de descentralização, que só poderá acontecer caso os municípios sejam ouvidos, já que são eles que vivem na ponta”, destacou Firmino.

Ainda em Brasília, o prefeito Firmino Filho esteve com o diretor-presidente do Sebrae,  João Henrique Sousa, onde foram discutidos assuntos como um novo convênio da FNP/Sebrae, que tem como objetivo inclusão do desenvolvimento local e do empreendedorismo na agenda de prioridades da gestão municipal. Os municípios representados pela FNP concentram aproximadamente 70% dos microempreendedores individuais e das micro e pequenas empresas brasileiras. Por isso, têm grande impacto positivo nas políticas públicas voltadas ao fomento do empreendedorismo e da geração de emprego e renda.

redacao@cidadeverde.com

Imprimir