Cidadeverde.com
Política

Wellington Dias avisa que convocação de suplentes deve demorar

Imprimir


Foto:Roberta/Aline/CidadeVerde.com


O governador Wellington Dias (PT) afirma que deve protelar a convocação de suplentes na Assembleia Legislativa do Estado. Segundo ele, essa decisão já foi anunciada aos partidos aliados. Wellington Dias explica que as convocações devem ser menores do que na gestão passada. No terceiro governo foram convocados mais de 10 suplentes. 

“Inicialmente tratamos de iniciar o governo sem chamar nenhum deputado. Já havia comunicado e espero ter a conclusão da reforma. Somente  lá na frente iremos discutir isso. Há uma redução muito grande em relação a isso”, afirmou. 

Partidos como o Progressistas e o PT possuem interesse direto na convocação dos suplentes. No caso do Progressistas, o partido espera a convocação do suplente B. Sá. A legenda espera crescer a bancada na Casa de cinco para seis deputados.  O PT, partido do governador, espera a convocação dos suplentes Ziza Carvalho e Francisco Magalhães. 

Na próxima semana, o governador visitará a Assembleia e fará uma apresentação da reforma administrativa aos deputados.

“Na segunda-feira estarei apresentando aos parlamentares que comigo tem a tarefa de dividir a responsabilidade como base do governo. Mas também quero ir à Assembleia e apresentar aos parlamentares da oposição. Respeitamos a Assembleia, mas espero que rapidamente possamos ter a aprovação”, destacou. 

O governador confirma que as secretarias devem ser reduzidas a 18 pastas. “Temos uma noção de que cerca de 18 áreas serão reduzidas e apresentarei ao Piauí. Maior parte são dos contratos extra quadros e custeio. Diria que mais ou menos 80% dos cortes estão centrados nestas duas áreas. Isso é importante para o estado não perder capacidade de investimentos”, destacou. 

 

Lídia Brito
lidiabrito@cidadeverde.com

Imprimir