Cidadeverde.com
Política

Edson Melo diz que PSDB não pode impor nome em Teresina

Imprimir

O futuro presidente do PSDB em Teresina, vereador Edson Melo, disse nesta segunda-feira (18) que o partido não poderá impor um nome para disputar a prefeitura da capital, numa eventual conjuntura com outras siglas. Para o tucano, é natural que o PSDB tenha candidato, mas a escolha do nome deve ser cercada de cautela.

"O mais natural é um nome do PSDB, mas não podemos dizer que o candidato tem que ser do PSDB", afirmou em entrevista à TV Cidade Verde.

Segundo o vereador, a condução de todo o processo eleitoral ficará na mão do prefeito Firmino Filho. "A gente tem que convir que o maior lider em Teresina é o prefeito Firmino Filho. Ele tem o comando do partido, agora temos que verificar com relação a escolha do majoritário, agora o prefeito não quer tratar disso agora", declarou.

Para Edson Melo, a nova legislação que vai vigorar pra eleição de 2020 é um desafio para os partidos. "O PSDB tem um quadro muito bom em termo de nomes. Digo sempre que é uma grife na política em Teresina. Mas todas as siglas passam por algum desgate. Estamos vendo como montar uma estratégia para sair vitorioso", afirmou.

Foto: Letícia Santos

Sobre um possível nome, Melo acredita que o ex-deputado estadual Luciano Nunes "está no jogo". "É vontade dele (Luciano) que o partido tenha candidato, é vontade minha, do prefeito, mas não podemos impor. O Luciano está no jogo", finalizou.

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Imprimir