Cidadeverde.com
Geral

Idoso é morto com três tiros após reagir a assalto na zona Sudeste

Imprimir

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com 

Atualizada às 10h42

O delegado Jarbas Lima, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa, negou a versão da Polícia Militar de que o idoso estava na companhia da neta quando foi morto por assaltantes.

O DHPP está investigando o caso e afirmou ao Cidadeverde.com que Firmo estava deixando uma vizinha na parada de ônibus e um rapaz, que também estava no local, o alvo do assaltantes. 

“A informação que colhemos que ele[idoso] interviu no assalto ao rapaz e foi morto”, conta o delegado.

O facão utilizado pelo idoso foi apreendido.

Nesta manhã, familiares da vítima estiverem no Instituto Médico Legal e, abalados, disseram que o idoso tinha o costume de acompanhar a vizinha e outras pessoas até à parada de ônibus. 

Foto: Divulgação/DHPP

Matéria original

Um idoso, identificado como Firmo Rodrigues Santiago, 83 anos, foi morto após reagir a um assalto no Conjunto São Sebastião, zona Sudeste de Teresina.  O crime aconteceu por volta das 6h da manhã desta segunda-feira (15)  quando a vítima estava indo deixar a neta em uma parada de ônibus, de acordo com a Polícia Militar. 

Segundo informações do tenente Sebastião Costa, do 8º Batalhão da Polícia Militar, dois assaltantes, que estava em uma motocicleta, tentaram roubar o celular da neta de Firmo. Ele reagiu mostrando um facão para os criminosos, que efetuaram três disparos de arma de fogo nele.

“O avô tentou proteger a neta e foi morto com três tiros. Ele morreu no local”, conta o tenente. 

Os criminosos fugiram em seguida e a polícia está em diligência tentando capturá-los.

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa foi acionado e vai investigar o caso. 

 

 

 


Izabella Pimentel
redacao@cidadeverde.com 

Imprimir