Cidadeverde.com
Geral

Dois agentes de segurança têm armas roubadas em menos de 12h em Teresina

Imprimir

Foto: Ascom

Dois agentes de segurança tiveram suas armas roubadas nesta sexta-feira (17) em Teresina. O primeiro caso aconteceu no bairro Mocambinho, na zona Norte, envolvendo um guarda municipal. A segunda ocorrência, 12 horas depois, aconteceu no bairro Parque Piauí, na zona Sul, desta vez com um policial militar.

O guarda municipal estava à paisana e voltava para a casa em sua motocicleta por volta das 3h da madrugada quando colidiu com dois homens em uma moto na Avenida Freitas Neto, no bairro Mocambinho. Na discussão após o acidente um dos homens roubou a arma do agente e fugiu.

O Cidadeverde.com apurou que a arma levada foi uma pistola modelo 838. Informações iniciais davam conta que o guarda teria sido assaltado. Uma nota divulgada pela assessoria de comunicação da Prefeitura de Teresina informou que o guarda “foi vítima de uma ação de criminosos” e que o “caso segue sendo apurado internamente pelo órgão”.

Em entrevista ao Cidadeverde.com, o comandante da Guarda Civil Municipal de Teresina, capitão Monteiro Silva, descartou que a dupla seria de assaltantes. “Foi um acidente de trânsito e na discussão um dos homens fugiu levando a arma”, disse.

De acordo com o comandante, imagens de câmeras do local confirmaram a versão de discussão após o acidente. A polícia investiga o paradeiro da arma. O guarda ficou ferido e deu entrada em um hospital particular ainda na manhã desta sexta-feira para exames médicos. Ele será submetido a uma cirurgia por conta do acidente.

Confira a nota da assessoria de comunicação da PMT:

NOTA

O Comando da Guarda Civil Municipal de Teresina informa que tem conhecimento do caso de um guarda que foi vítima de uma ação de criminosos na noite desta quinta-feira, na zona Norte de Teresina. O caso segue sendo apurado internamente pelo órgão.

 

Policial Militar

Na tarde desta sexta (17), por volta das 15h, um policial militar também teve a arma roubada no bairro Parque Piauí. A informação foi confirmada pelo 6º Batalhão da Polícia Militar, mas o Cidadeverde.com não obteve maiores informações porque as equipes estavam em diligências.

Valmir Macêdo e Carliene Carpaso
[email protected]

Imprimir