Cidadeverde.com
Geral

Casal é preso suspeito de fornecer drogas a visitantes do Parque da Cidadania

Imprimir

Fotos: Polícia Civil

Um casal foi preso em flagrante por tráfico de drogas na região do Parque da Cidadania nesta sexta (24). A investigação da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre) apontou que a residência dos presos, no bairro Cabral, servia como "ponto de droga" e eles forneciam os entorpecentes aos frequentadores do parque, devido a proximidade dos locais.

Os presos foram identificados como Felipe Eduardo das Neves Nunes e Amanda Cristina Rodrigues da Silva. Na casa do casal foram encontradas duas balanças de precisão, vários objetos para fracionar a droga e 70 pedras de crack.  

"O Felipe já é contumaz na prática de crimes; ele já responde por roubo, tráfico de drogas, posse de drogas.  Ele estava de tornozeleira eletrônica sendo monitorando. A última autuação em flagrante foi no dia 19 de março de 2019. A Amanda já foi presa por roubo e corrupção de menores e, agora, está sendo autuada por tráfico", comentou o delegado Emerson Almeida, responsável pela investigação. 

O delegado ressaltou que o casal atuava na região do bairro Cabral, zona Norte de Teresina, nas proximidades do 2º Batalhão de Engenharia de Construção - Exército Brasileiro. "Parte dos usuários provinham da região do Parque da Cidadania. As pessoas visitavam o Parque da Cidadania e iam comprar lá devido a proximidade".  

Emerson Almeida ressaltou que as 70 pedras de crack seriam vendidas neste final de semana, quando ocorre o aumento do fluxo de visitantes do Parque da Cidadania.

O casal foi encaminhado para a sede da Depre, no bairro Saci, e aguardam a audiência de custódia no Fórum Cível e Criminal Desembargador Joaquim de Souza Neto.  

Carlienne de Paula
[email protected] 

Imprimir