Cidadeverde.com
Esporte

Brasil fica fora da lista de indicados ao prêmio de melhor jogador da Fifa

Imprimir

O Brasil está fora lista de finalistas da premiação anual de melhor jogador do mundo no futebol masculino, denominada pela Fifa como The Best. Mesmo com a seleção tendo conquistado recentemente o título da Copa América, nenhum nome do País foi lembrado, assim como no futebol feminino, nas relações divulgadas nesta quarta-feira. 

Como já se tornou tradição nas temporadas recentes, a lista do futebol masculino conta com o argentino Lionel Messi e o português Cristiano Ronaldo. Mas não possui o croata Luka Modric, que no ano passado havia sido eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa. 

Na última temporada, Cristiano Ronaldo venceu o Campeonato Italiano pela Juventus e a Liga das Nações pela seleção portuguesa, o que o levou a ser indicado mais uma vez, assim como Messi, que venceu o Campeonato Espanhol pelo Barcelona, embora tenha parado nas semifinais da Copa América com a Argentina. 

Chama a atenção a presença de três jogadores da Holanda. São eles: Frenkie de Jong, Matthijs de Ligt, ambos campeões nacionais pelo Ajax, e Virgil Van Dijk, que faturou a Liga dos Campeões pelo Liverpool. 

A lista também conta com o inglês Harry Kane, o belga Eden Hazard, campeão da Liga Europa pelo Chelsea, o francês Kylian Mbappé, campeão nacional pelo Paris Saint-Germain, e o senegalês Sadio Mané e o egípcio Mohamed Salah, ambos vencedores da Liga dos Campeões com o Liverpool. 

Embora Marta seja a detentora do prêmio de melhor do mundo, honraria que ganhou seis vezes, e tenha se tornado a maior artilheira da história das Copas em qualquer gênero, com 17 gols, não foi indicada entre as 12 candidatas no futebol feminino. 

Essa relação, aliás, é dominada pela seleção dos Estados Unidos, que faturou recentemente o título mundial, com quatro nomes. A lista é liderada Megan Rapinoe, eleita a melhor jogadora da Copa da França. Julie Ertz, Rose Lavelle e Alex Morgan são as outras norte-americanas presentes na relação. 

Finalista do Mundial pela Holanda, Vivianne Miedema também foi indicada. A França teve dois nomes apontados: Wendie Renard e Amandine Henry, autora do gol que eliminou a seleção brasileira nas oitavas de final da Copa. As inglesas Ellen White e Lucy Bronze, as norueguesas Caroline Graham Hansen e Ada Hegerberg, e a australiana Sam Kerr completam a lista de candidatas. 

A definição dos jogadores indicados ao prêmio da Fifa se deu pelo desempenho esportivo entre 25 de maio de 2018 e 7 de julho deste ano no futebol feminino e de 16 de julho de 2018 a 19 de julho no futebol masculino. 

Os dez nomes de cada categoria agora serão colocados em votação, sendo que a participação popular tem peso semelhante ao de especialistas da comunidade do futebol - jornalistas e capitães e treinadores das seleções nacionais. Os três finalistas de cada prêmio serão anunciados posteriormente, sendo que a entrega das honrarias do Fifa The Best está agendada para 23 de setembro, em Milão.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir