Cidadeverde.com
Esporte

Brasil estreia com vitória no handebol masculino nos Jogos Pan-Americanos

Imprimir

Após o melhor resultado em Mundiais, o nono lugar, a seleção brasileira de handebol masculino estreou com vitória nos Jogos Pan-Americanos de Lima nesta quarta-feira (31). 

Contra o México, a seleção fez 33 a 23, com destaque para Felipe Borges, que marcou nove gols. Já nesta quinta (1), o Brasil terá pela frente o time da casa, o Peru, às 20h. Um dia depois, encara Porto Rico, às 22h30, fechando a fase preliminar.

Brasil vence Peru e garante quinta medalha no badminton

A dupla Sâmia Lima e Jaqueline Lima venceu, por 2 a 1, a dupla peruana no badminton nesta quarta-feira (31), e avançou para a semifinal dos Jogos Pan-Americanos. Com a classificação, o Brasil chega a sua quinta semifinal no badminton e garante, pelo menos, cinco ouros na modalidade.

Também venceram nesta quarta, nas duplas: Farias e Fabrício Rocha, Tamires dos Santos e Fabiana da Silva, a dupla mista Jaqueline Lima e Fabrício Farias e os atletas. No individual, Ygor Coelho avançou e Fabiala da Silva perdeu.

Dobradinha do Brasil na barra fixa

País ficou com ouro e prata no aparelho e conquistou medalhas em todos os dias da ginástica artística. Arthur Nory liderava a prova com 14,533 até Francisco Barretto competir. O compatriota registrou 14,566 e garantiu o ouro, deixando a prata com Nory. 

Huber Godoy, de Cuba, fez 14,200 e ficou com o bronze. No individual geral, disputado na última segunda-feira (29), os dois atletas também ficaram com as duas posições mais altas do pódio: Caio Souza totalizou 83,500 pontos enquanto o colega fez 82,200.

João Menezes aplica 'pneu' e avança

Com tranquilidade, o tenista brasileiro João Menezes passou, na segunda rodada, pelo uruguaio Roncadelli Franco. Ele venceu com parciais de 6/4 e 6/0, o chamado "pneu" no tênis.

Luis Porto termina em 7º no salto

Brasileiro fez média de 13,650 na final. Ouro ficou com o dominicano Audrys Nin (14,416), prata com o guatemalteco Jorge Alfredo Vega (14,383) e bronze com o cubano Alejandro de la Cruz (14,183).

Fonte: Folhapress

Imprimir