Cidadeverde.com
Esporte

Jogador da Ponte Preta é suspenso após ofender torcedor em live

Imprimir

Foto: Álvaro Jr/ PontePress

A Ponte Preta anunciou, na manhã desta segunda-feira (9), que o atacante Dadá foi suspenso e terá parte de seu salário descontado depois de ofender um torcedor durante uma live no Instagram.

A polêmica aconteceu no domingo (8), no horário de almoço, durante intertemporada da Ponte Preta em Bragança Paulista. Durante a conversa com torcedores, Dadá perde a cabeça após um torcedor fazer alguns comentários: "se não subir tão f..." e "quinta se não joga nada".

Dadá respondeu ao torcedor com xingamentos: "vai tomar no c." e "filho da p.". Segundos depois, a live no Instagram foi encerrada.

A Ponte Preta não gostou da atitude de Dadá e puniu o atacante com suspensão e 'desconto salarial pelo período'. Segundo apurou o UOL Esporte, o jogador já está suspenso e levará um gancho de pelo menos uma semana.

Dadá está emprestado pelo Água Santa - por onde jogou a Série A-2 do Campeonato Paulista - à Ponte Preta até o fim da Série B. Ele tem dez jogos pela Macaca, sendo apenas dois como titular, e ainda não balançou as redes.

A Ponte Preta ocupa a oitava colocação da Série B, com 31 pontos, e volta a campo na quinta-feira (12) para receber o Vila Nova, no Moisés Lucarelli, às 21h30 (de Brasília), pela 22ª rodada da competição nacional.

VEJA A NOTA COMPLETA DA PONTE PRETA:

"Após quatro dias de atividades intensas na Intertemporada em Bragança Paulista, atividade que segue até amanhã, os atletas alvinegros participaram de um momento programado de descontração no período do almoço de ontem (8). Inadvertidamente, o atleta Dadá fez uma live em redes sociais expondo um momento interno dos atletas, e ainda se envolveu em uma discussão com um torcedor, algo igualmente inadmissível e injustificável. Em virtude do ocorrido, ao atleta foi aplicada uma suspensão com efeitos imediatos, que implicará em desconto salarial pelo período. Diante do exposto, a Ponte Preta entende que o episódio está superado e mais uma vez volta o foco exclusivamente para o futebol e os trabalhos que estão sendo realizados para que a equipe possa readentrar no G4."
 



Fonte: Folhapress 

Imprimir