Cidadeverde.com
Política

"Lamento o uso político" diz governador respondendo críticas de Kleber Montezuma

Imprimir
  • d12.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com
  • d11.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com
  • d10.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com
  • d9.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com
  • d8.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com
  • d7.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com
  • d6.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com
  • d5.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com
  • d4.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com
  • d3.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com
  • d2.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com
  • d1.jpg Roberta Aline/ Cidadeverde.com

O governador Wellington Dias (PT) lamentou nesta quinta-feira (10) o que denominou de "uso político", contra o governo, a operação da Polícia Federal que investiga licitações no transporte escolar. 

Dias reagiu as declarações do secretário municipal de Educação, Kleber Montezuma que ao participar de audiência na Câmara ontem disse que a Polícia Federal nunca foi na Secretarias de educação de Teresina e  lembrou da operação no Palácio de Karnak.

Não é a primeira vez que a relação entre  o governador e a prefeitura sofre abalo. O próprio prefeito Firmino Filho fez críticas ao governo do estado sobre o atraso no repasse do cofinancimento da  saúde. 

"Todos sabem como se deu essa operação. Primeiro o Palácio não é investigado. O governo é vítima nesse processo e eu lamento o uso político de quem mais conhece sobre esse processo", disse o governador ao visitar as obras de duplicação da BR- 343.

Segundo Wellington Dias, o governo mudou o sistema de licitação no transporte escolar e será referência para os estados.

"Estamos concluindo um moderno e inovador processo para o transporte escolar. Vamos ser base para outros estados. Saímos da regra do pagamento por quilômetro para ter uma regra em que se leva em conta a quantidade de alunos. É possível calcular o valor da passagem. Adotamos um critério em que temos um cálculo mais seguro e mais justo. A licitação era do governo anterior. A investigação começou em 2013". 

Foto: Roberta Aline

Em meio às  críticas, Wellington diz que vai tratar com respeito os adversários. 

"Quero tratar as pessoas com muito respeito. Deus me livre de usar situações como  para  achacar  quem quer que seja". 

Kleber Montezuma foi à Câmara prestar esclarecimentos sobre o processo de licitação do transporte escolar no município. Ele nega irregularidades e fez citação á  educação estadual com críticas ao governo estadual.

 

Flash Lídia Brito
redacao@cidadeverde.com

Imprimir