Cidadeverde.com
Esporte

Sampaoli se reúne com presidente do Santos, sai pessimista e adia decisão

Imprimir

A reunião entre Jorge Sampaoli e José Carlos Peres nesta segunda-feira (9) terminou sem uma decisão. Os dois estiveram no CT do Santos, e o treinador deixou o local sem falar com a imprensa. O encontro durou mais de duas horas e teve momentos de tensão.

Segundo apurou a reportagem, a "novela" ainda não teve seu capítulo final, mas ficou claro que é grande a diferença entre os pedidos do treinador e a capacidade de investimento da equipe da Vila Belmiro. Há uma estimativa que os pedidos de reforços do comandante chegam a R$ 100 milhões.

Em coletiva de imprensa no domingo (8), após a goleada por 4 a 1 sobre o Flamengo, Sampaoli afirmou que gostaria de um projeto desportivo com capacidade para brigar pelo título da Libertadores em 2020. Uma das pedidas do treinador é ter dois jogadores no mesmo nível por posição.

Nesta segunda, Sampaoli evitou repórteres, mas falou brevemente com alguns dos garotos que ganharam projeção após serem flagrados acompanhando treinos do Santos de cima de uma árvore à beira do CT e que já mantêm relação com ele. Perguntado se ficaria, o argentino respondeu com um "talvez".

Enquanto não decide o seu futuro na Vila Belmiro, Sampaoli segue como opção prioritária para o Palmeiras. O time alviverde já se reuniu na semana passada com representantes do santista, sabe as condições pedidas por ele para trabalhar no Palestra Itália e aguarda o desfecho das negociações na Baixada para avançar.

EDER TRASKINI
SANTOS, SP (UOL/FOLHAPRESS) 

Imprimir